RONDONOTICIAS quinta-feira, 18 de julho de 2019 - Criado em 11/10/2001

NO ESCURO: Mais de 25 localidades de Rondônia podem ficar sem energia


Rondonoticias

24/05/2018 11:20:03 - Atualizado

RONDÔNIA: A paralisação dos caminhoneiros em 8 pontos da BR-364 nesta quinta-feira compromete o fornecimento de distribuição de energia em pelo menos 25 localidades de Rondônia que dependem da produção de luz elétrica gerada por grupos geradores. Nesta quinta-feira, a Eletrobras, distribuição Rondônia, encaminhou documento a diretoria executiva da Petrobras para que interceda junto ao movimento grevista em Rondônia para liberar os caminhões que estão paralisados com óleo diesel nas rodovias do Estado.

A greve dos caminhoneiros entrou hoje pelo terceiro dia em Rondônia. Na estrada do Belmont, na zona norte de Porto Velho, os manifestantes fazem movimento em frente as distribuidoras. Parte do óleo diesel que abastece as UTE chegam pelo rio Madeira através de balsas e seguem para as cidades de Machadinho, Buritis, Alvorada, Anari e Cujubim.

Além dessas cidades, estão isolados do Sistema Nacional Interligado (SIN), os municípios de Alvorada do Oeste, São Miguel, São Francisco, Seringueiras, Costa Marques, além da região da Ponta do Abunã e dos distritos de Porto Velho (Conceição, Demarcação, Nazaré e São Carlos). Segundo apurou o Diário da Amazônia junto a Eletrobras, essas localidades estão com o estoque de óleo diesel apenas para dois dias. O protesto dos caminhoneiros é contra o aumento do óleo diesel e já afeta o comércio local.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.