RONDONOTICIAS terça-feira, 23 de outubro de 2018 - Criado em 11/10/2001

IMPASSE: Postos de RO culpam distribuidoras por não repassarem desconto no diesel


Rondonoticias - Pâmela Pimenta

05/06/2018 10:43:35 - Atualizado

PORTO VELHO, RONDÔNIA - Diversos donos dos postos de combustíveis de Rondônia estão reclamando que o desconto de R$0,46% dado pelo governo federal, durante acordo na greve dos caminhoneiros no preço do diesel, não está sendo repassado pelas distribuidoras.

Segundo o secretário executivo do Comércio Varejista Derivados do Petróleo (Sindipetro), Carlos Eduardo, o impasse inclui o aumento do Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços de Transporte Interestadual e Intermunicipal e de Comunicação (ICMS), no Estado, impossibilitando o repasse.

“O que ocorre é que os postos de combustíveis estão simplesmente repassando os valores que as distribuidoras dão, e com o aumento do ICMS em Rondônia, fica difícil dar o desconto”, destaca Carlos.

De acordo com o Sindipetro, a orientação é “quem não estiver recebendo os R$ 0,46, deve denunciar imediatamente ao Procon e Ministério Público de Rondônia, através de ofício para estarem resguardados em eventuais fiscalizações”.

O Sindipetro informa ainda, que há uma conversação direta com o Procon e MPRO, e que essas instituições já estão cientes da situação. E esclarece que na tarde de segunda-feira (04.06), foi realizada uma reunião com os donos de postos combustíveis de Porto Velho para explicar e orientá-los sobre a garantia dos descontos no preço do litro do diesel.

Na sexta-feira (1°), o governo publicou portaria que trata da fiscalização para garantir que os postos de combustíveis repassem aos consumidores o desconto no preço do óleo diesel.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.