31/03/2015 17:43:24 - Atualizado em 01/04/2015 17:26:23

Pescado de Rondônia já está abrindo portas para consumidores europeus

A bióloga e coordenadora do programa de piscicultura da Secretaria de Estado da Agricultura (Seagri), foi a entrevistado desta terça-feira (31), no programa A Voz do Povo...

Porto Velho, Rondônia: A Coordenadora de Desenvolvimento Aquícola e Pesqueiro, da Secretaria de Agricultura, Pecuária, Desenvolvimento e Regularização Fundiária (Seagri ), Ilce Santos Oliveira, foi a entrevistada desta terça-feira do programa A Voz do Povo, da Rádio Cultura FM, apresentado pelo advogado e jornalista, Arimar Souza de Sá.

Durante entrevista, Ilce Santos falou sobre os investimentos que estão sendo feitos no Estado para o incremento da produção do pescado.

Para ela, o sucesso da piscicultura em Rondônia depende, em grande parte, da escolha do peixe criado em cativeiro e do  local a ser desenvolvido o projeto. Por isso, diversos fatores de infra-estrutura local devem ser considerados e analisados antes de sua implantação.

“Devemos observar, principalmente, a água em termos de quantidade e qualidade, o solo, a topografia do terreno e os fatores climáticos”, destaca.

Para Ilce Santos, o desafio de atingir o desenvolvimento sustentável é uma prática inerente a maioria dos setores produtivos.

“O Estado de Rondônia abastece com peixes de excelente qualidade os mercados do Centro/Sul do Pais, comercializando mais de 700 toneladas de pescados ao mês, gerando emprego e renda nas pequenas propriedades rurais”, comemora.

Segundo a coordenadora, a produção de peixe hoje, de acordo com os últimos dados da Seagri, é superior a 80 mil toneladas ano, destacando o Tambaqui, Pirarucu, Jatuarana e Pintado, como os preferidos.

Ilce Santos destaca ainda que hoje o estado de Rondônia escoa sua produção para diversos estado do Brasil, sendo eles: Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Goiás, Brasília, Paraná, Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Manaus e São Paulo.

“O pescado de Rondônia, além de conquistar os exigentes mercados brasileiros, está abrindo portas e alcançando os consumidores europeus, mostrando o Estado de Rondônia como maior produtor de pescado de água doce do Brasil”.

A coordenadora, no entanto, fez um desabafo. "Rondônia não consome a quantidade de peixes criada em cativeiro que exporta. E esse paradigma tem de ser quebrado", reclamou.

Para Ilce Santos, o consumidor deveria saborear o peixe de cativeiro, porque o peixe do rio, muita das vezes, pode estar contaminado e o criado em tanques, dada a técnica empregada no plano de manejo,em Rondônia, não há risco.

fonte: Rondonoticias

comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias

Editorial: Entrevista
  1. 1 Nesta entrevista, o professor Luiz Fernando Novoa, do Departamento de Ciências Sociais da Unir, debate Porto Velho, o Brasil do Futuro, e acha que eleições gerais devem ser convocadas. CONFIRA.
  2. 2 ​Nesta entrevista, o vereador Alan Queiroz, líder do prefeito na Câmara, faz uma análise dos primeiros atos da nova administração e se diz confiante nas ações de Hildon Chaves..
  3. 3 Nesta entrevista, o advogado Gilberto Baptista, Superintendente da FIERO, fala da crise na Indústria, na busca de soluções e defende melhor atenção a "hidrovia" do Rio Madeira...
  4. 4 Sophie Charlotte conta que parto de Otto durou 12 horas: 'Anestesia do meu próprio corpo'
  5. 5 ​Entrevista com o secretário municipal da agricultura, Leonel Bertolin, falando a respeito do vigor agronegócio de Porto Velho e da posição estratégica do município para exportação...
  6. 6 Nesta entrevista, o juíz eleitoral Juacyr Junior, fala da anulação do impeachment, discorre sobre a regra eleitoral para as eleições deste ano, e da crise política institucional instalada...
  7. 7 Nesta entrevista, o secretário SESDEC, Antônio Carlos Reis, detalha as ações da polícia no combate à criminalidade, os avanços na pasta e a inauguração das Unidades Integradas de Segurança Pública...
  8. 8 Nesta entrevista, a presidente da CAERD fala das ações da Companhia, do esforço do combate ao desperdício e as fraudes, e esclarece sobre a Operação Kairós, que devassou a Estatal...
  9. 9 ​Nesta entrevista com o secretário de obras do município, Gilson Nazif, ele fala de etapas, avanços dos trabalhos na capital e se gaba, ninguém é mais comprometido com o município do que eu...
  10. 10 Na entrevista com o Vice Governador de Rondônia, Daniel Pereira, ele fala de avanços na administração, da crise na educação, do combate à violência no Estado, sobretudo na saúde...