13/12/2016 09:55:13 - Atualizado em 13/12/2016 09:59:16

Com mais de 120 atletas vilhenenses , peneira do Barcelona supera expectativa

PORTO VELHO,RONDÔNIA- O Barcelona Futebol Clube realizou neste fim de semana sua primeira seletiva. Mais de 120 atletas participaram da peneira do caçula do futebol vilhenense.

O clube recém-profissionalizado foca seus trabalhos nos projetos sociais e no envolvimento da comunidade local com o futebol. Todos que participaram da “peneira” contribuíram com 1 kg de alimento não perecível, que será distribuído às famílias carentes do município. Ao todo 36 atletas foram selecionados para a segunda etapa da avaliação.

A peneira que foi realizada em dois dias no Centro de Treinamento Park Embratel contou com a participação de mais de 120 atletas com idades entre 16 a 30 anos. O objetivo da comissão técnica e diretoria é mesclar o elenco profissional com atletas, contratados de foram da cidade, com pratas da casa.

Conforme o coordenador técnico do time vilhenense, Tiago Batizoco, os atletas selecionados devem compor duas frentes. “Nós vamos montar uma base sub-19 e alguns também vão ser aproveitados no profissional. Futuramente no projeto social vamos montar o sub-16”, declarou o coordenador técnico.

A seletiva organizada pelo time caçula do estado atraiu atletas das cidades de Vilhena, Colorado, Cabixi, Corumbiara, Rolim de Moura e de outras regiões do Brasil. Entre os participantes dois chamam a atenção. O indígena Franck Campos, 16 anos, chegou da aldeia dos Chiquitano, localizada no município de Porto Esperidião (MT) a 540 km de distância de Vilhena. “Fazer esse teste é a continuidade do sonho de ser jogador de futebol. É a oportunidade de vestir a camisa do Barcelona”, relata

O Gabriel dos Santos Aguiar, 22 anos, veio de mais longe, viajou de Salvador (BA) até Vilhena, mais de 3.250 km, só pra participar da peneira. Gabriel conta que já passou em peneiras do Bahia, mas há dois anos teve que abandonar os campos. “O que me motiva é um sonho de menino, toda criança quer ser jogador. Há dois anos tive que parar de jogar. Além da minha irmã adoecer, fui pai cedo, tive que trabalhar para sustentar minha filha. Por incentivo de parentes e amigos decidi voltar a jogar futebol”, relembra.

Dos 120 escritos 36 atletas foram escolhidos para participarem da segunda fase da avaliação. “Conseguimos atingir o objetivo que nós estávamos buscando, agora é dar sequência no processo de avaliação juntamente com os professores. Sábado que vem vamos dar mais uma vez oportunidade pra eles (36 selecionados) mostrarem seu melhor”, finalizou Batizoco.

Mais de 120 quilos de alimentos foram arrecadados e devem ser doados às famílias carentes do município. Os atletas que não foram selecionados terão nova oportunidade de ingressarem no Barcelona, a próxima peneira está prevista pra ser realizada em janeiro.


comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias