RONDONOTICIAS sexta-feira, 14 de agosto de 2020 - Criado em 11/10/2001

“Dia dos Pais é o Dia dos Pais, não o dia das trans”, dispara Carlos Vereza

No Instagram, o artista fez um comentário polêmico e afirmou que Miranda não deveria representar os pais...


ISTOÉ

Publicada em: 01/08/2020 18:36:27 - Atualizado

O ator Carlos Vereza, de 81 anos, resolveu se pronunciar sobre a marca Natura ter escolhido Thammy Miranda, que é um homem trans, para estrelar a campanha de Dia dos Pais ao lado do filho, Bento, de seis meses.

No Instagram, o artista fez um comentário polêmico e afirmou que Miranda não deveria representar os pais: “Respeito as diferenças, em todos os sentidos, mas o Dia dos Pais é o Dia dos Pais, não o dia das trans”, disse.

Confira a declaração de Carlos Vereza na íntegra:

“A demagógica atitude da Natura ao escolher a transexual Tammy Miranda para representar o Dia dos Pais, se insere na ideologia Queer, de desconstruir os gêneros que deram vida a mais de 7 bilhões de pessoas. Depois reclamam quando ocorre a exacerbação do preconceito. É urgente recolocar as coisas em seus devidos lugares: eu nasci da união de meu pai e minha mãe. Qualquer tentativa de subverter essa biológica verdade, não passa de mais uma operação tabajara, anexo do poderoso lobby gay. Respeito às diferenças, em todos os sentidos, mas o Dia dos Pais é o Dia dos Pais, não o dia das trans”.

“Concluindo, para mim, o affair Tammy: se argumentassem que, por ser mulher, o instinto maternal DELA se manifesta com maior brandura, abriria uma conversa mais aceitável e civilizada, pois as mães têm a convivência maior e amorável com o bebê, durante nove meses. Mas Tammy é mulher, a despeito e meu respeito pelos inúmeros tratamentos a que se submeteu. Excetuando o hermafrodismo, quando o ser nasce com os dois sexos, e os exames apresentam 46XX, feminino, e 46 XY, masculino, não há possibilidade de mudança do DNA, dos códigos genéticos específicos de cada sexo. Sei que o lobby é poderoso no sentido de pasteurizar as diferenças e diminuir a população ( alô, Escola de Frankfurt!) mas como não tenho a pretensão de ter 1 milhão de amigos, exponho ( posso?) minha opinião”.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br