RONDONOTICIAS sexta-feira, 24 de maio de 2019 - Criado em 11/10/2001

Preço da cesta básica registra aumento de 1,48% em março

Entre os produtos com maiores custos estão: banana, pão francês e o feijão


Unir

10/04/2019 11:36:00 - Atualizado

GUAJARÁ-MIRIM RO - A cesta básica apresenta um conjunto básico de produtos essenciais para uma família no período de um mês. De acordo com os dados pesquisados, o preço médio da cesta básica no mês de março no município de Guajará-Mirim foi de R$ 382,95. Comparando com o mês de fevereiro R$ 377,36 a cesta básica teve um aumento no seu preço de 1,48%.

A carne foi o produto com maior preço médio entre os que compõem a cesta básica, R$ 86,29, comparando com o mês de fevereiro a carne teve uma variação percentual no seu preço de 52%. O tomate teve o preço médio de R$ 76,75, representando o segundo maior custo entre os produtos que compõem a cesta básica com 20,04%. Em relação ao mês anterior o tomate teve uma variação de 6,58%.

Os outros produtos com maiores custos da cesta básica são: banana, pão francês e o feijão com seu preço médio de R$ 48,21, R$ 48,09 e R$ 35,60,representando um custo percentual médio de 12,59%, 12,56% e 9,30%.Os menores preços dos produtos que compõem a cesta básica são: açúcar,café em pó e óleo com R$ 6,86, R$ 6,40 e R$ 3,06 respectivamente, com um custo percentual médio de 1,79% 1,67% e 0,80% respectivamente.

A pesquisa mostra que leite, feijão, farinha, pão francês, óleo e a manteiga apresentam uma variação negativa mensal entre os produtos que compõem a cesta básica no município de Guajará-Mirim.A farinha apresentou uma redução no seu preço de 10,24% comparado com mês de fevereiro de 2019.

Destaca-se que o preço da cesta básica comprometeu 42% do valor do salário mínimo líquido no mês de março de 2019.

Fonte: Dados da pesquisa março 2019. *Variação mês fevereiro/2019

PREÇO DA CESTA BÁSICA MÊS DE MARÇO

Alimentos

Preço Total

Custo em %

*Variação    Mensal (%)

Carne        

R$   86,29

22,53% 

2,52%

Leite

R$   21,03

5,49%

-6,80%

Feijão

R$   35,60

9,30%

-3,65%

Arroz

R$    10,03

  2,62%

1,32%

Farinha

R$   12,26

3,20%

-10,24%

Tomate

R$   76,75

20,04%

  6,58%

Pão francês

R$   48,09

12,56%

-1,01%

Café em pó

R$     6,40

  1,67%

0,68%

Banana

R$   48,21

12,59%

 7,95%

Açúcar

R$     6,86

  1,79%

0,96%

Óleo

R$     3,06

  0,80%

-5,48%

Manteiga

R$   28,35

  7,40%

-0,38%

Total

R$ 382,95

100%

1,48%

PREÇO MÁXIMO E MÍNIMO DA CESTA BÁSICA NO MUNICÍPIO 

O preço máximo e preço mínimo vai mostrar a diferença de preço por produto. A diferença de preçoda cesta básica dos estabelecimentos no mês de março 2019 foi de 21%. No mês de março o preço máximo da cesta básica foi de R$ 417,13 e o preço mínimo de R$ 344,41. O pão francês, banana e leiteforam os alimentos com maior diferença.A diferença de preço do pão francês ficou em 100%, sendo o maior preço R$ 72,00 e o menor preço R$ 36,00.

A diferença de preço dabanana ficou em 92%, sendo o maior preço R$ 97,50 e o menor preço R$ 35,10.

A diferença do preço doleite ficou em 71%, o preço mais caro em um estabelecimento no município de Guajará-Mirim foi de R$ 25,50 e o preço mínimo foi de R$ 14,88.

A menor diferença de preço foi a carne,26%. O maior preço foi de R$ 96,71 e o menor preço R$ 76,50.

Tabela 1 - Preço máximo e preço mínimo da cesta básica no município de Guajará-Mirim/RO- março de 2019

Alimentos

Preço Máximo

Preço Mínimo

Diferença

Carne

R$ 96,71

R$ 76,50

26%

Leite

R$ 25,50

R$14,88

71%

Feijão

R$ 44,78

R$29,43

 52%

Arroz

R$ 11,52

R$  8,46

36%

Farinha

R$ 14,25

R$ 10,50

36%

Tomate

R$ 95,88

R$71,40

34%

Pão francês

R$ 72,00

R$ 36,00

100%

Café em pó

R$7,88

R$ 5,40

46%

Banana

R$ 67,50

R$ 35,10

92%

Açúcar

R$ 8,10

R$ 4,88

66%

Óleo

R$ 3,42

R$2,40

42%

Manteiga

R$ 35,81

R$22,50

59%

Total

R$ 417,13

R$  344,41

21%

Fonte: Dados da pesquisa março 2019.

Tempo médio de trabalho para adquirir a cesta básica no mês de MARÇO

No mês de março de 2019, o tempo médio para adquirir os produtos da cesta básica no município de Guajará-Mirim/RO foi de 87horas e 22 minutos. A carne foi o produto com maior preço médio dentre os itens que compõem a cesta básica R$ 86,29, com maior tempo de trabalho médio, 19 horas e 02 minutos.   

Para adquirir o tomate R$76,75 foi preciso um tempo de trabalho de 17 horas e 32 minutos. O pão francês com o preço médio de R$ 48,09 foi necessário o tempo de trabalho de 11 horas.A banana com preço médio de R$ 48,21 foi necessário 11 horas e 03 minutos de tempo de trabalho para ser adquirido.

Tabela 2 - Tempo de trabalho necessário para se adquirir a cesta básica no município de Guajará-Mirim/RO - março de 2019

Alimentos

Preço

Tempo de trabalho

Carne

R$ 86,29

19h02m

Leite

R$ 21,03

5h04m

Feijão

R$ 35,60

8h25m

Arroz

R$10,03

2h21m

Farinha

R$ 12,26

3h10m

Tomate

R$ 76,75

17h32m

Pão francês

R$ 48,09

11h00m

Café em pó

R$ 6,40

1h41m

Banana

R$ 48,21

11h03m

Açúcar

R$ 6,86

1h51m

Óleo

R$ 3,06

1h07m

Manteiga

R$ 28,35

6h25m

Total

R$ 382,95

87h22m

Fonte: Dados da pesquisa março 2019.


Os itens da cesta básica com menores tempos de trabalho para ser adquirido são o arrozcom o preço de R$ 10,03 tempo médio de trabalho de 2 horas e 21 minutos. O açúcar com seu preço médio de R$ 6,86 foi necessário o tempo de trabalho de 1 horas e 51 minutos. O café em pó com o preço de R$ 6,40 foi preciso o tempo de 1 hora e 41 minutos para ser adquirido.  O óleo foi o item da cesta básica em Guajará-Mirim/RO com o menor dispêndio de tempo.

Grupo de pesquisa socioeconômica e desenvolvimento regional na amazônia – gpesdra

Pesquisa sobre o Preço da Cesta Básica no Município de Guajará-Mirim/RO

Coordenador: Profº Me. Tiago de Oliveira Loiola

Vice coordenador:  Profº   Dr. George Queiroga Estrela

Bolsistas: Adriana Alves da Silva; Albilene Oliveira da Cruz; Antônio Laureano Neto; Alisson Fernandes da Silva; Fernando Souza Aragon; Francilino de Paula Santana; Gilberto Correia Silva; Jessé Bispo dos Santos; Ketlin Sara Vargas Alves; Keven Jonathan Correia; Lauro Ulysses Lima Rodrigues; Marcelo Benites Feitosa; Raniere Melo da Silva; e  Taynara Pereira Nunes,



Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.