RONDONOTICIAS domingo, 12 de julho de 2020 - Criado em 11/10/2001

Empresa que vendeu testes para governo de RO é alvo de operação da PF

BuyerBR foi denunciada por deputado cearense que apontou sobrepreço e endereço ‘extremamente precário’...


Blog do Painel

Publicada em: 25/05/2020 16:13:29 - Atualizado

A empresa paulista BuyerBR foi alvo na manhã desta segundas-feira de uma operação da Polícia Federal do Ceará acusada de vender respiradores superfaturados à prefeitura de Fortaleza.

A denúncia havia sido feita pelo deputado federal cearense Capitão Wagner (PROS). Encaminhada ao Ministério Público, a denúncia afirmava que a prefeitura comprou respiradores por R$ 11,7 milhões, a um valor médio de R$ 234,5 mil, para o hospital Instituto Dr. José Frota.

A empresa escolhida, com dispensa de licitação, foi a Buyerbr Serviços e Comércio Exterior, sediada em Barueri (SP).

Wagner escreveu que, nas compras do governo federal, o preço unitário seria de R$ 57,3 mil, de R$ 106,2 mil no Amazonas, e de R$ 180 mil em São Paulo.

O deputado anexou uma foto do endereço da empresa registrado na Receita Federal, que mostra um muro sem identificação. “Funciona em endereço extremamente precário”, disse.

A BuyerBR também foi contratada sem licitação em Rondônia e vendeu 100 mil kits de testes rápidos do coronavírus que, de acordo com o edital deveriam ter registro na Anvisa (que ainda não tem) e ser entregues em 10 dias (levaram 40). A polêmica compra deu cadeia no Ceará, em Rondônia a empresa foi elogiada pela deputada federal Mariana Carvalho e pelo governador Marcos Rocha.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br