RONDONOTICIAS sábado, 24 de outubro de 2020 - Criado em 11/10/2001

Casos da covid-19 no Brasil caem 30%, diz Ministério da Saúde

A tendência de queda no número de mortes foi analisada em todas as últimas quatro semanas...


Assessoria

Publicada em: 17/09/2020 17:41:23 - Atualizado

O número de casos registrados na covid-19 no Brasil recuou 30%, de 263.791 para 192.687, no acumulado da última semana, de acordo com dados divulgados nesta quinta-feira (17), pelo Ministério da Saúde.

A quantidade de mortes, por sua vez, caiu 13%, de 5.741 para 5.007 notificações no período. "Já estávamos com um platô, e tivemos uma redução no número de óbitos", disse o secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Medeiros.

A tendência de queda no número de mortes foi analisada em todas as últimas quatro semanas. “Não há o que se discutir quando há uma queda significativa de óbitos por quatro ou cinco semanas”, avaliou o secretário.

Desde a primeira notificação, registrada no final do mês de fevereiro, o Brasil soma 134.935 óbitos e 4.455.386 casos da doença respiratória causada pelo novo coronavírus.

"Tivemos um pico na região Sul na 35ª semana, mas foi por casos represados por registros, mas quando houve a atualização já ficou ilustrada a redução", explicou Medeiros para justificar o aumento dos casos registrado na semana passada.

De acordo com o secretário, a tendência de queda no número de casos e óbitos pela doença respiratória é verificada em todas as regiões do Brasil. Ele avalia que o comportamento da curva epidemiológica da doença respiratória no Brasil se move de maneira diferente em cada uma das regiões.

“Na região Norte, as mortes e hospitalizações ocorreram por volta da 17ª, 18ª e 19ª semana e a gente verifica agora uma tendência de queda bastante significativa”, disse Medeiros.

A pasta mostra ainda um crescimento na quantidade de testes aplicados para a detecção da doença, com uma média diária de 32 mil diagnósticos. “Isso é um esforço muito grande”, afirmou Medeiros, ao recomendar a procura por um posto médico nas fases iniciais da doença.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br