RONDONOTICIAS quarta-feira, 3 de março de 2021 - Criado em 11/10/2001

Escolas estaduais iniciam ano letivo com aulas remotas em Rondônia

Governo do Estado estuda novas estratégias para que o retorno das aulas presenciais aconteça de forma segura


assessoria

Publicada em: 22/02/2021 17:06:21 - Atualizado

Nesta segunda-feira (22), o governador de Rondônia, coronel Marcos Rocha, declarou aberto o Ano Letivo 2021 na Rede Estadual de Ensino em transmissão feita diretamente da Escola de Mediação Tecnológica, em Porto Velho, onde são produzidas e transmitidas aulas de forma virtual. As aulas nos estabelecimentos de ensino do Estado acontecerão de forma remota em virtude da pandemia do coronavírus.

A Escola de Mediação Tecnológica conta com três estúdios para que os professores produzam conteúdos dinâmicos. Essa é uma estratégia do Governo de Rondônia, para manter os estudantes conectados com o ensino de excelência, que se mostrou essencial neste período que as aulas presenciais foram suspensas para preservação da vida da comunidade escolar e seus familiares.

Desde março de 2020, o Poder Executivo adotou a medida de suspender as aulas presenciais e investiu no ensino por meio da mediação tecnológica. Para 2021, ainda é necessário adotar a mesma postura, mas a equipe técnica da Educação já estuda novas estratégias para que o retorno das aulas presenciais aconteça de forma segura, o que depende do avanço da vacinação contra a Covid-19 em Rondônia.

PLANO DE RETORNO ÀS AULAS PRESENCIAIS

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) planeja de forma estratégica o retorno das aulas presenciais com critérios seguros. De acordo com o secretário da Seduc, Suamy Vivecananda, neste primeiro momento, as aulas retornam de forma remota, mas o planejamento é que, a partir de março, uma turma de estudantes, de forma escalonada, tenha aulas presenciais com professores que não estão em grupo de risco.

A inciativa deve ganhar mais força a partir do segundo semestre. Atualmente, 90% das escolas já implantaram lavatórios para higienização das mãos e 13 carretas fazem a distribuição de álcool em gel nas escolas estaduais. ‘‘É um planejamento aliado à proporção que a população for vacinada’’, assegura o secretário.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br