08/02/2018 14:45:23

Sala do empreendedor busca novas alternativas para preparar empresários

PORTO VELHO,RONDÔNIA- O Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) atua em 52 municípios em suas diversas áreas, com capacitação para empresários de pequenos negócios e produtores rurais. Desse total, 30 municípios contam com a Sala do Empreendedor, um espaço físico dentro da prefeitura municipal para simplificar os processos de abertura, baixa e funcionamento das empresas. Lá, os funcionários treinados informam os empreendedores sobre vantagens e benefícios de sair da informalidade. Ali os empreendedores podem encontrar alternativas para solucionar problemas relativos ao dia a dia de seu negócio.

O espaço centraliza o atendimento com a intenção de estimular a formalização dos empreendedores e dar sustentação para que os pequenos negócios tenham acesso aos benefícios da Lei Complementar nº 123, de 14 de dezembro de 2006, a Lei Geral da Micro e Pequena Empresa (MPE). É um espaço voltado para atender quem quer crescer, e conta com os Agentes de Desenvolvimento, que são colaboradores capacitados pelo Sebrae para atuar na orientação e oferecer acesso à troca de experiências e à participação de eventos referentes à Lei Geral da MPE. Com essa expectativa de melhorar as condições dos empreendedores, o diretor superintendente Valdemar Camata Júnior e a analista Maria Tereza Marangon receberam o senhor Manoel Serra, presidente da Associação de Crédito Cidadão de Rondônia (Acrecid) – conhecida como Banco do Povo, porque trabalha sob a linha de operação criada pelo economista e banqueiro bengali Muhammad Yunus.

Manoel Serra explicou que a Acrecid está presente em 22 localidades em Rondônia e que tem interesse em atuar na Sala do Empreendedor. Ele entende que os atendentes podem divulgar os serviços do banco, que trabalha com juros mais atraentes para os clientes.

Camata reafirmou a importância dessa iniciativa para a economia local e destacou que a missão da Sala do Empreendedor deve estar atrelada à simplificação de processos para facilitar o dia a dia dos empreendedores nos órgãos públicos municipais. “A garantia de atendimento ágil e de qualidade é a principal resultante da desburocratização”, afirmou o superintendente do Sebrae em Rondônia.

Para Maria Tereza, a Sala do Empreendedor tem potencial para ser muito mais do que a materialização da desburocratização dos processos. Ela precisa ser o espaço de referência do cidadão empreendedor, o local de relacionamento entre poder público e sociedade, além de despontar como a forma mais importante do ambiente favorável para o desenvolvimento e crescimento dos pequenos negócios no município.

A aproximação com a Acrecid poderá ser mais uma interface para que os colaboradores da Sala do Empreendedor possam orientar empresários em direção ao crédito sem burocracia.

Saiba mais sobre as ações do Sebrae em Rondônia acessando nosso site, sebrae.ro. Para mais informações, envie mensagem pelo WhatsApp para o número (69) 98130-5656 ou fale com a Central de Atendimento pelo 0800 570 0800.

fonte: Rondonoticias

comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias