publicidade

Aluno do Senai Rondônia vai a Olimpíada do Conhecimento

PORTO VELHO,RONDÔNIA- Lucas Guimarães, aluno do curso de panificação do Senai (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial) vai representar Rondônia na edição 2018 da Olimpíada do Conhecimento, este ano com o foco voltado a sustentabilidade. O treinamento das competições em várias etapas estão acontece no laboratório de panificação da escola Senai Marechal Rondon, sob a supervisão do professor Cleiton Guimarães.

Realçando a importância da Olimpíada do Conhecimento, o presidente da Fiero, Marcelo Thomé, afirma que a competição é uma vitrine da qualidade da educação profissional patrocinada pela indústria brasileira. “Além de incentivar a dedicação dos estudantes, é uma forma de avaliar a qualidade da educação oferecida pelo Senai”, disse.

Organizada desde 2001 pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial - Senai, a OC é a maior competição de educação profissional das Américas. O torneio, realizado a cada dois anos, reúne estudantes de cursos técnicos e de formação profissional do Senai e dos Institutos Federais de Educação Profissional, Científica e Tecnológica (IF).

O presidente do Sindicato das Indústrias de Panificação de Rondônia – Sindipan-RO, José Balbino Nascimento e o gerente da escola Marechal Rondon do Senai, Cleber Santos, estiveram no laboratório de panificação para acompanhar o treinamento do aluno olímpico.

Balbino parabenizou o aluno pelo empenho e dedicação e ressaltou a importância de ter um representante da panificação na Olimpíada do Conhecimento. “O professor do Senai, Cleiton Guimarães, é o instrutor responsável pelo treinamento do aluno, que está sendo preparado para competir. Cleiton foi aluno olímpico e tem vasto conhecimento e experiência em panificação. Acreditamos no potencial do nosso representante”, disse o líder sindical.

Cleber Santos defende que ao participar da Olimpíada do Conhecimento os jovens estão sendo preparados para tornar a indústria brasileira mais produtiva e mais competitiva. “Estes jovens alunos não estão apenas sendo qualificados no domínio de uma competência, mas também em um alto nível de planejamento, de processo de execução, de técnicas. Este é o nível de excelência que a indústria precisa”, afirmou o gerente da escola Marechal Rondon do Senai.

O instrutor de panificação, Cleiton Guimarães, representou o estado trazendo com ele a medalha de bronze na Olimpíada do Conhecimento 2012. Ele comentou que participar da Olimpíada foi uma experiência inesquecível e que para vencer, os competidores precisam dar o melhor de si.

fonte: Rondonoticias

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.

publicidade