publicidade

Homem que matou ex-mulher a facadas confessou ao próprio pai crime e se entregou a Polícia

Luan Wudask do Nascimento, de 23 anos, que confessou ao próprio pai, a quem entregou a filha de 3 anos, que havia acabado de matar a ex-esposa, na madrugada de domingo, 08, se apresentou à polícia.

De acordo com o delegado responsável pela Delegacia de Homicídios de Vilhena, Núbio Lopes, o suspeito se apresentou na tarde do mesmo dia, em companhia de um advogado e devido ter apresentado endereço de residência fixa, foi liberado.

Porém, ainda segundo o delegado, a homicídios aguarda resposta do judiciário, com relação ao pedido de prisão preventiva solicitado por ele no dia do crime, para recolher ou não o suspeito.

Luan assassinou a jovem Anna Karolyne dos Santos, de 19 anos, a facadas, devido não ter aceito a separação, de aproximadamente 20 dias, e o fato da jovem supostamente estar tentando refazer a vida com outra pessoa.

Com relação às informações sobre a jovem ter sido torturada antes de ser morta, Núbio afirmou que ainda aguarda os laudos da perícia para total esclarecimento dos fatos, mas adiantou, que certamente a vítima, que estava em companhia da filha do casal, não esperava a execução, pois não houve arrombamento no cômodo onde esta residia e as chaves estavam do lado de dentro, o que leva a crer que a jovem abriu a porta para o ex-marido.

fonte: Extra de RO

Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.

publicidade