RONDONOTICIAS segunda-feira, 6 de julho de 2020 - Criado em 11/10/2001

Juiz assume cargo de desembargador no lugar de Waltenberg

No segundo grau, o novo desembargador atuará na segunda Câmara Criminal...


Publicada em: 26/06/2020 16:52:03 - Atualizado

PORTO VELHO - RO - Em sessão por videoconferência, realizada na segunda-feira, 22, o Tribunal Pleno Administrativo do TJRO, por unanimidade, promoveu o juiz titular de terceira entrância, Osny Claro de Oliveira Junior, (a direita) - ao cargo de desembargador do Tribunal de Justiça de Rondônia. Osny Claro de Oliveira Junior assumirá a vaga deixada no início de 2020 pelo desembargador Walter Waltenberg Silva Júnior, que se aposentou. 

No segundo grau, o novo desembargador atuará na segunda Câmara Criminal, e passará a compor o Tribunal Pleno Judicial e Administrativo do TJRO, soberano em decisões judiciais e administrativas no âmbito do Judiciário estadual. 

Com a posse de Osny Claro, a Corte volta a contar com 21 desembargadores. Desde o início da pandemia da Covid-19, as sessões do Pleno têm sido realizadas por meio de plataformas virtuais, para garantir o distanciamento social dos membros da instituição. 

A posse está marcada para o dia 29 de junho, segunda-feira, às 10h. Em razão da pandemia e da necessidade de isolamento social, a sessão será restrita, de forma presencial, somente à presidência e ao empossando, ou seja, sem convidados; todavia será acompanhada virtualmente pelos demais membros da Corte e transmitida pelo canal TJRO Notícias, pelo YouTube.


Trajetória

osny5


Osny Claro de Oliveira Junior é natural de Santos - SP. Em 1987 formou-se em direito, com ênfase em processo civil, pela Faculdade de Direito da USP - Largo São Francisco. Aprovado no V Concurso para Ingresso na Magistratura rondoniense foi empossado no cargo de juiz substituto do Poder Judiciário rondoniense, em 7 de março de 1990. 

Iniciou a carreira como juiz substituto na circunscrição da comarca de Rolim de Moura, respondendo, inicialmente, pela comarca de Alta Floresta d'Oeste, onde atuou por um ano. 

Foi promovido pelo critério de merecimento ao cargo de juiz de direito titular de primeira entrância junto à Vara Única da Comarca de Costa Marques e, em seguida, foi promovido por merecimento a juiz titular de segunda entrância na comarca de Jaru. 

Posteriormente, por permuta, atuou em Ji-Paraná, como juiz titular da 3ª Vara Cível. Em Porto Velho, chegou como juiz auxiliar, promovido por antiguidade, em 1996, sendo, por vezes, convocado para atuar no segundo grau, em substituição a desembargadores. 

Também foi juiz eleitoral e juiz membro do TRE, no biênio 1997/1998. Vinha exercendo a titularidade da 3ª Vara Cível de Porto Velho. 

O magistrado tem 54 anos, é casado e tem três filhos. 


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br