RONDONOTICIAS sexta-feira, 7 de agosto de 2020 - Criado em 11/10/2001

Conselho do MP tem maioria para afastar Deltan Dallagnol da Lava Jato

O principal argumento tem a ver com a tentativa da Força Tarefa em criar uma fundação para administrar parte dos recursos que ficariam com o Brasil...


CNN

Publicada em: 30/07/2020 15:54:07 - Atualizado

Há maioria no Conselho Nacional do Ministério Público para punir o procurador chefe da Força Tarefa da Lava Jato, Deltan Dallgnol. "Ele tem que responder mais do que pela incontinência verbal", afirmou à CNN um dos integrantes do Conselho, se referindo às postagens do procurador em suas redes sociais.

O conselho, que avalia a conduta dos membros do Ministério Público Federal, atualmente está funcionando com onze integrantes. Desses, pelo menos oito demonstram, nos bastidores, serem favoráveis à remoção de Dallagnol da Lava Jato, em um pedido apresentado pela senadora Kátia Abreu. Outra possibilidade é uma suspensão disciplinar no caso em que o procurador publicou no Twitter contra Renan Calheiros, às vésperas das eleições do Senado. 

Há vários processos contra Deltan na pauta. O conselheiro do caso de remoção, Luiz Fernando Bandeira, deve alegar que trata-se de interesse público. "Ele vai cuidar de outro setor. A Lava Jato não é de uma pessoa só", afirmou à CNN um conselheiro sob a condição de reserva.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br