RONDONOTICIAS segunda-feira, 22 de outubro de 2018 - Criado em 11/10/2001

​Cuba terá referendo em fevereiro de 2019 para nova Constituição

A informação foi divulgada pela TV estatal do país.


10/08/2018 11:13:08 - Atualizado

A televisão estatal de Cuba noticiou nesta quinta-feira (9) que a ilha comunista terá um referendo nacional, previsto para 24 de fevereiro de 2019, para ratificar o projeto da nova Constituição do país.

Antes disso, Cuba promoverá um debate popular, entre agosto e novembro deste ano, para discutir o assunto.

"Temos um desafio muito importante, que é nos prepararmos para participar do processo de consultas da nossa Constituição e no apoio incondicional em 24 de fevereiro", disse ao canal Cubavisión o major das Forças Armadas Revolucionárias, Lázaro Arronte.

Em julho, de acordo com o G1, o Parlamento cubano aprovou um projeto de nova Constituição para substituir a de 1976.

MUDANÇAS

Entre as mudanças previstas na Constituição, estão o reconhecimento do mercado, da atividade privada e do investimento estrangeiro na economia socialista. Na nova Constituição, Cuba terá a figura do presidente da República, que atualmente é presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros. Além disso, será criado o cargo de primeiro-ministro.

Outro ponto que deve ser discutido é o casamento entre pessoas do mesmo sexo.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.