15/07/2015 08:01:59 - Atualizado em 15/07/2015 20:06:56

Prefeito foi à PF para prestar depoimento na Operação Murídeos

Ele e outras 19 pessoas estão depondo...

PORTO VELHO - RO -  A  Polícia Federal em Rondônia, através do  delegado Acelino Vieira Damasceno, confirmou na manhã desta quarta-feira, 15/07, que o prefeito da capital, Mauro Nazif-PSB também foi conduzido coercitivamente à sede da superintendência  na capital, para prestar esclarecimentos a respeito obre investigações das investigações referentes a Funcultural, um dos alvos da Operação Murídeos. 

Nazif, o empresário Roberto Passarini e outras 19 pessoas, também foram conduzidas coercitivamente à superintendência de Rondônia.

No caso do chefe do executivo municipal, ele depõe sobre gastos da Prefeitura com shows de ano novo: Cerca de R$ 489 mil, repassado através do Convênio 046/PGM. Entre as atrações estava a banda Calypso. A investigação, inclui, palco, cachê e o restante da estrutura.

Por outro lado, os defensores do prefeito não entendem o por quê do chefe do executivo municipal ter sido conduzido à sede da PF, para se explicar sobre shows, de vez que a Funcultural maneja recursos próprios e não do PIDISE, programa do Estado, muito menos do BNDES, ora sob investigação, para realizar o show da virada.

fonte: Rondonoticias

comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias

mais lidas