17/07/2015 12:29:15 - Atualizado em 17/07/2015 13:22:09

Controladora Geral do Município, Maria Auxiliadora, diz não ter autorizado depoimento de Auditor à CPI

A depoente afirmou ainda que foram feitas recomendações para o não pagamento do show de Alceu Valença...

Porto Velho, Rondônia: Durante segunda sessão da CPI dos shows na Câmara de Porto Velho, a primeira depoente, Maria Auxiliadora Papafanurakis Pacheco, Controladora Geral do Município (CGM), criticou o colega Júlio César Brito de Lima, que depôs na tarde dessa quinta-feira (16) afirmando ter emitido parecer contrário ao pagamento do show de Alceu Valença. 

A Controladora disse que Júlio não teve autorização para se apresentar à Comissão. 

Sobre o pagamento, Maria Auxiliadores afirmou não ter emitido parecer favorável ao pagamento, mas foi a favor da contratação sem a exigibilidade de licitação pública. Ela confirmou ainda ter tido acesso ao processo e disse que, em geral, os secretários seguem orientações da CGM, mas esclareceu que a decisão final cabe a cada um.

Durante as perguntas dos vereadores, a depoente reafirmou por várias vezes que foram feitas recomendações para o não pagamento do show de Alceu Valença.

Leia na íntegra aqui: Auditor da CGM, Júlio César Brito, admite erro e diz: "Secretário não é santo".

fonte: Rondonoticias

comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias

mais lidas