RONDONOTICIAS quinta-feira, 13 de dezembro de 2018 - Criado em 11/10/2001

Mães brigam em escola por causa de ofensas em grupo de WhatsApp na capital

Fabrícia questionou Lucijane sobre as ameaças da filha dela contra o filho de Fabrícia.


13/06/2018 10:02:53 - Atualizado


PORTO VELHO, RONDÔNIA - Irenilde P. C., 56, Fabrícia P. C., 30, e Lucijane S. C., 43 foram presas na terça-feira (12) após travarem luta corporal na Escola João Bento da Costa, localizada na Rua das Camélias, bairro Jardim Eldorado, Zona Sul de Porto Velho.

As suspeitas são mães de alunos da escola e ao ser encontrem durante a reunião dos pais foram tomar satisfação sobre uma discussão dos filhos em um grupo de Whatsapp. Fabrícia questionou Lucijane sobre as ameaças da filha dela contra o filho de Fabrícia.

Houve desentendimento e logo Fabrícia e Irenilde partiram para as vias de fato contra Lucijane. As mulheres travaram intensa briga e a Polícia Militar foi acionada. As três acabaram conduzidas para a Central de Flagrantes.

(IMAGEM ILUSTRATIVA)


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.