RONDONOTICIAS terça-feira, 26 de março de 2019 - Criado em 11/10/2001

Servidores de RO usavam propina em casa de prostituição, diz delegado

Servidores também são suspeitos de cobrarem propina para o abatimento de impostos. Mandados de busca e apreensão foram cumpridos nas residências dos investigados


Redação e Ascom PC

15/03/2019 11:19:06 - Atualizado

SÃO FRANCISCO DO GUAPORÉ RO Na manhã desta sexta-feira (15) a Policia Civil de São Francisco do Guaporé/RO, deflagrou mais uma operação, dessa vez visando o combate à corrupção. Dois servidores públicos municipais são alvos da Operação.

Foram cumpridos mandados de busca e apreensão nas residências dos investigados, e dado o cumprimento à decisão expedida pela 1a Vara Criminal de São Francisco do Guaporé/RO, determinando o afastamento dos cargos dos referidos servidores, dentre outras medidas cautelares.

Os acusados são suspeitos de solicitarem valores pecuniários em troca do abatimento de dívida decorrente do IPTU que seria devido pelo contribuinte.

Segundo o Delegado Rondinelly Moreira Santos, responsável pela investigação, parte do pagamento da propina solicitada pelos servidores foi gasta em uma casa de prostituição da cidade.

Diversos objetos foram apreendidos pela Polícia Civil visando o esclarecimento dos fatos.

Operação Esdras

O nome da operação faz referência ao versículo bíblico de Esdras 7:24 “ Saibam também que vocês não têm autoridade para exigir impostos, tributos ou taxas de nenhum sacerdote, levita, cantor, porteiro, servidor do templo e de nenhum dos que traba­lham nesse templo de Deus.”  


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.