RONDONOTICIAS domingo, 25 de agosto de 2019 - Criado em 11/10/2001

Homem mata vizinho e tenta executar todos membros da família e foge

Felipe, o atirador, era vizinho de José Gonçalves, morto por ele.


26/05/2019 12:01:45 - Atualizado

PORTO VELHO - RO - A Polícia Militar registrou um bárbaro assassinato, no sábado, 25, na Gleba Rio Preto, em  Calama,  Distrito de Porto Velho, região do baixo Madeira.

Conforme a ocorrência,  José Gonçalves Leal Neto, de 49 anos, foi morto a tiros e o filho dele, Maicon Lima Leal, 18 anos, baleado nas costas. O suposto assassino identificado como Felipe Teixeira, vizinho das vítimas, ainda tentou matar a esposa e outro filho de Gonçalves.

O CRIME

De acordo com relato da polícia, o suspeito chegou no local pedindo ajuda para José Gonçalves porque dizia que seu motor de popa tinha quebrado e precisava ir até o local para consertá-lo.  José Gonçalves, de pronto, determinou que seu filho Maicon o atendesse, mas ao virar de costas, o suspeito com um rifle efetuou um disparo em Maicon. José Gonçalves saiu em defesa do filho e foi atingido com três tiros, e morreu na hora.

Na sequência, Felipe invadiu a casa e tentou matar um outro filho de José, de 14 anos, mas o tiro não acertou o adolescente. A esposa de José  Gonçalves tentou pegar um rifle no quarto da casa, mas foi impedida pelo suspeito, que passou a agredi-la com coronhadas na cabeça e ainda se apossou de um facão para tentar matá-la.

Nessa hora, Maicon, mesmo baleado, ainda conseguiu pegar uma espingarda e atirou no agressor que correu. Mesmo assim, Maicon imagina ter atingido uma das pernas de Felipe.

A Polícia Militar foi chamada e acionou a Perícia Técnica e rabecão para os trabalhos de praxe.

O corpo de José foi removido para o Instituto Médico Legal e Maicon foi levado para Humaitá, município amazonense distante 200 km de Porto Velho.

A polícia investiga a motivação da chacina.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.