RONDONOTICIAS sexta-feira, 14 de dezembro de 2018 - Criado em 11/10/2001

Número de mulheres eleitas deputadas estaduais cai 33,33% em Rondônia

Apenas duas mulheres foram eleitas, entre 24 vagas disputadas. Em 2014 foram eleitas três deputadas para a ALE


G1

09/10/2018 10:50:24 - Atualizado

O número de mulheres eleitas como deputadas estaduais caiu 33,33% em Rondônia nas Eleições 2018. A partir de janeiro do ano que vem, o legislativo será composto por duas mulheres e 22 homens. Em 2014 o estado elegeu três mulheres para a Casa de Leis.

Segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), as duas únicas mulheres eleitas em 2018 para a Assembleia Legislativa de Rondônia (ALE-RO) são Cassia dos Muletas (PODE) e Rosângela Donadon (PDT).

Cassia dos Muletas é estreante na bancada legislativa. Moradora de Jaru (RO), Cássia foi eleita com 10.033 votos, ou seja, 1,23% dos votos válidos de Rondônia.

Rosângela Donadon já estava na ALE-RO e disputava a reeleição. A deputada de Vilhena (RO) recebeu, ao todo, 9.053 votos. Isto representa 1,11% dos votos válidos.

Em 2014, segundo o TSE, Rondônia tinha eleito três mulheres para a Assembleia: Glaucione (PSDC) com 18.121votos; Lucia Tereza (PP) com 11.652 votos e Rosangela Donadon (MDB), com 11.108 votos.

Das três eleitas há quatro anos, apenas Rosângela Donadon chegou ao mandato até 2018. Glaucione, a segunda mais votada em Rondônia, renunciou o cargo em 2016 para disputar a prefeitura de Cacoal (RO), sendo eleita com 44,90% dos votos.

Lucia Tereza, a 7ª colocada na ALE em 2014, morreu por causa de um aneurisma em 2016. A vaga dela na Casa de Leis foi substituída por Anderson do Singeperon.

Com o novo pleito eleitoral, a bancada feminina no estado ficará menor 33,33%.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.