RONDONOTICIAS segunda-feira, 22 de julho de 2019 - Criado em 11/10/2001

“Diretor do Detran pode responder por improbidade”, diz presidente da ALE

De acordo com Laerte Gomes, até o momento, responsável pelo órgão não prestou esclarecimentos sobre os mais de R$ 5 milhões gastos em diárias só em 2018


Jaqueline Alencar / Rondonoticias

16/05/2019 08:57:11 - Atualizado

PORTO VELHO RO - Em entrevista nessa quarta-feira (15) ao Programa a Voz do Povo, apresentado pelo jornalista e advogado Arimar de Souza Sá ao vivo de segunda-feira à sexta-feira, do meio-dia às 13 horas na Rádio Caiari FM 103,1 e pela Antena FM em Rede Estadual, o presidente da Assembleia Legislativa (ALE/RO), deputado estadual Laerte Gomes (PSDB) anunciou que a CPI (Comissão de Inquérito Parlamentar) do Departamento de Trânsito do Estado – Detran vai “sabatinar” o diretor do órgão e cobrar esclarecimentos.

Na emissora, Laerte Gomes afirmou que, na sabatina que acontece nos próximos dias, os parlamentares irão cobrar um compromisso de diminuição de taxas cobradas pelo órgão, que conforme lembrou, são das mais caras do país; e explicações sobre os mais de R$ 5 milhões gastos em diárias só em 2018 e até agora não foram esclarecidos. “Aliás, o diretor do Detran já corre o risco de responder por improbidade administrativa, porque até agora não deu explicações sobre este assunto”, asseverou.

Outro assunto que será abordado na CPI segundo o presidente, é a inspeções veicular; e outros temas polêmicos em torno do órgão. Confira o relatório de gastos do órgão na íntegra: RELATÓRIO NA ÍNTEGRA

Concurso, Rodovias e Impeachment

Na Voz do Povo, o deputado também falou sobre o Concurso que não era realizado pela Assembleia Legislativa há mais de 30 anos e garantiu que “todos os aprovados serão chamados para assumir os cargos”. Saiba mais: Assembleia Legislativa convoca aprovados no Concurso de 2018.

Outro assunto relatado no programa foi a reunião com o chefe do Departamento de Estradas e Rodagem do estado (DER) para tratar sobre as RO´s do estado, que conforme salientou Laerte Gomes “estão intransitáveis”, as BR´s 364 e 319, que conforme observou, receberam R$ 90 milhões de orçamento da União para manutenção, “mas não é suficiente”.

Questionado sobre o processo de Impeachment contra o governador coronel Marcos Rocha que está em tramite no Legislativo Estadual, o presidente reforçou que “já foi lido, também terá sabatina em breve, e cumpriremos com o que a constituição prevê”.

Sobre a relação com o Governo, Laerte Gomes foi taxativo: “permanece em respeito mútuo, e focada em proporcionar melhorias na qualidade de vida à população”.

Ainda no Programa, o deputado tratou sobre o Aeroporto de Ji-Paraná que necessita de liberação dos voos; a Audiência realizada na Assembleia sobre Feminicídio e ações que poderão ser implantadas no estado a partir das tratativas do evento; Sessão Itinerante que será realizada na Rondônia Rural Show; Regularização Fundiária que prevê a diminuição de faixa de fronteira do estado; Tarifa de Energia Elétrica; João Paulo II; recursos destinados para saúde, educação e outros setores; e outros assuntos de interesse da população e respondeu à perguntas dos ouvintes.

CONFIRA ENTREVISTA NA ÍNTEGRA:

A VOZ DO POVO - Entrevista presidente da ALE Laerte Gomes


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.