RONDONOTICIAS terça-feira, 25 de junho de 2019 - Criado em 11/10/2001

CARNAVAL 2019: Ruas do centro da capital amanhecem cheias de lixo

"Não adianta nada usar gliter orgânico e roupinhas alugadas para acabar nisso", critica internauta


Jaqueline Alencar / Rondonoticias

04/03/2019 10:36:24 - Atualizado

PORTO VELHO RO - O reflexo do Carnaval de Porto Velho não é diferente do Rio de Janeiro e outras grandes capitais do país. Nesta segunda-feira (04), a exemplo dos outros dias, desde que a “Festa da Folia” iniciou, as ruas do centro da cidade amanheceram cheias de lixo. Lojistas que têm estabelcimentos nos principais pontos onde as bandas se apresentam, tiveram de limpar as calçadas para conseguir abrir o comércio.

Educação ambiental sabe-se que cabe em qualquer lugar, para preservação da natureza e do meio ambiente. Mas o péssimo exemplo dos foliões da capital de Rondônia se agrava com o simples fato de morarem em um estado conhecido como Portal da Amazônia.

Aonde práticas ambientais seriam no mínimo um hábito que se deveria esperar de uma população que tem o privilégio de morar em um lugar onde a biodiversidade ainda teima em sobreviver, é triste ver as cenas, chega ser desolador. 

O principal cartão postal da capital, a Praça das Três Marias, ficou simplesmente tomado pelo lixo, que se espalhou também pelo Mercado Cultural e outros pontos culturais de Porto Velho.

Mesmo com protestos contra a prática todos os anos na Rede Social de poucos corajosos, a história se repente. E há quem ainda queira justificar. Considera com certa razão, que não é culpa só do Carnaval. Certamente, se toda a população se conscientizasse durante o ano inteiro, incluindo no Carnaval, não veríamos as águas das chuvas adentrarem pelas casas a cada inverno amazônico. E que não venham as justificativas que a culpa também é só das Usinas neste sentido.

“Se esses lixos surgissem somente em época de carnaval, até que seria tolerável. Mas nossa cidade está cheia de lixo o ano inteiro. São 365 dias andando em meio aos lixos espalhados pela cidade. E isso demonstra muito bem como nosso povo é educado e civilizado”, afirmou Luciano Ferreira ao comentar uma postagem com fotos criticando os “resultados” da folia em Porto Velho.

"Não adianta nada usar gliter orgânico e roupinhas alugadas para acabar nisso", criticou Elione Mattos ao compartilhar o conteúdo postado no Facebook.

"Culpa é do prefeito, né?, ironizou Eduardo Gomes, internatura também morador de Porto Velho.

Falando em Prefeitura, o Executivo também pediu no Cartaz “Vai pro bloquinho? Leve sua sacola de lixo! Nos ajude a manter a cidade limpa.” O prefeito Hildon Chaves até o postou na rede social também. Mas pelo visto, poucos deram atenção, inclusive as bandas que não se deram ao trabalho de produzir uma marchinha sequer falando sobre conscientização ambiental para seus foliões.

Hoje, a festa segue na capital. Fora um milagre, infelizmente não se pode esperar um resultado diferente na manhã de terça e quarta-feira de cinzas. 

Mas, fazer o que, seja no Carnaval ou em qualquer período do ano, a culpa do Brasil é de quem mesmo?.


Fotos: Rede Social


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.