RONDONOTICIAS quarta-feira, 19 de junho de 2019 - Criado em 11/10/2001

ARTIGO - As estrelas da Copa América 2019


Assessoria

10/06/2019 18:13:16 - Atualizado

Copa América é uma das principais competições entre seleções do mundo. O torneio sul-americano atrai a atenção do mundo todo por contar com grandes times e também pela quantidade de craques do futebol mundial. É isso mesmo! Um dos ingredientes para este torneio ser tão fascinante é a quantidade de estrelas que participam da disputa.

É só parar para pensar. O Brasil, por exemplo, é dono de um elenco estrelado, composto por jogadores que atuam principalmente na Europa. Muitos  craques da Liga dos Campeões vão disputar a Copa América 2019. A lista é grande e o Paris Saint-Germain cedeu mais jogadores para a Seleção Brasileira: Phillipe Coutinho e Arthur (Barcelona-ESP), Marquinhos, Thiago Silva, Marquinhos e Daniel Alves (PSG-FRA) que serão o capitão do time, Alex Sandro (Juventus-ITA), Paquetá (Milan-ITA), Miranda (Internazionale-ITA), Filipe Luís (Atlético de Madri-ESP), Casemiro (Real Madrid-ESP), Alisson e Roberto Firmino (Liverpool-ING), Enderson, Fernandinho e Gabriel Jesus (Manchester City), Richarlison (Everton-ING), David Neres (Ajax-HOL) e Éder Militão (Porto-POR).

Do grupo brasileiro, apenas três atuam no Brasil: Cássio e Fágner (Corinthians) e Everton (Grêmio). Isso é pouco comum entre os participantes. A Argentina, que vem reformulada, conta com apenas seis jogadores que atuam no país: Andrada, do Boca Juniors; Armani, Milton Casco, Palacios e Matías Suárez, do River Plate e Saravia, do Racing. O restante joga na Europa e no México. Destaque para Messi, do Barcelona; Dybala, da Juventus; Di Maria e Leandro Paredes, do PSG; Tagliafico, do Ajax e Aguero, do Manchester City.

Brasil é o favorito

A Copa América 2019 já agita as casas de apostas de todo o mundo. Anfitriã, a Seleção Brasileira é a favorita com 2.25 das apostas. A Argentina vem em segundo com 4.00 dos palpites até agora.

Uruguai aparece na terceira posição com 6.50 dos palpites. A Colômbia é a quarta com 10.0. O Chile, atual campeão, só tem apenas 11.0 das Odds.

Entre você também nesta disputa. Neste site, você tem todos os jogos da Copa América 2019 à disposição para acompanhar o favoritismo e apostar. Dê o seu palpite e viva a emoção da competição de outra maneirves

A volta de Lionel Messi

Não é possível falar das estrelas da Copa América sem mencionar Lionel Messi. Cinco vezes eleito o melhor jogador do mundo, o camisa 10 da Argentina chega para a disputa de mais uma Copa América com o objetivo de conquistar o primeiro título pelo seu país. Vale lembrar que os Hermanos são os atuais vice-campeões, perdendo a final em 2015 para o Chile, mesmo com Messi em campo.

Apesar dos atuais fracassos da seleção, o gringo está confiante na recuperação argentina no cenário sul-americano, apesar de não considerar seu time um dos favoritos ao título. “Vamos com o mesmo sonho e a mesma vontade de sempre, mas a realidade é que a seleção está passando por um processo de renovação, e não somos candidatos. Temos muitos garotos, que ainda têm poucos jogos pela seleção. Vamos jogar para vencer como sempre. Uma Copa América é muito importante, no Brasil ou em qualquer lugar”, disse o craque.

A dupla dinâmica

O Uruguai chega para a Copa América apostando demais na sua dupla de ataque. Não é para menos. Poucas seleções do mundo possuem um ataque tão forte quanto a uruguaia. Luís Suárez, que veste a camisa do Barcelona, já atuou em 106 jogos pela Celeste, com 55 gols marcados. Seu companheiro de ataque, jogador do PSG, tem 46 gols em 109 jogos. Vale lembrar que Cavani foi o goleador uruguaio na última Copa do Mundo com três gols.

Dê olho neles!

Longe do favoritismo, outras seleções também trazem no elenco jogadores que podem fazer a diferença no momento de decisão. Uma delas é a Colômbia. A equipe Sul-americana vem para o Brasil o que tem de melhor. Destaque para o atacante Falcao García, do Mônaco e o meia James Rodriguez, do Manchester United. James, revelação da Copa do Mundo de 2014, espera repetir na Copa América a mesma atuação do Mundial disputado também do Brasil. O camisa 10 colombiano vem de uma boa temporada na Inglaterra.

Azarão da Copa América, a Bolívia traz como esperança os gols de Marcelo Moreno. O ex-jogador do Cruzeiro é o principal nome do modesto grupo boliviano. Adversário do Brasil na estreia, o atacante espera surpreender os anfitriões. Será?

Jovens promessas

A Copa América também deve ser a oportunidade de vários atletas que farão suas estreias com as camisas das suas seleções. São jovens promessas, candidatos à revelação, que buscam um espaço definitivo nos seus times. Um desses nomes é Everton Cebolinha.

O atacante do Grêmio faz sua primeira competição oficial pela Seleção Brasileira e está confiante em uma boa atuação. No primeiro contato com a amarelinha nos amistosos contra República Tcheca e Panamá, o jovem de 23 anos jogou muito bem e ganhou a preferência de Tite. Agora, o jogador espera uma oportunidade para brilhar na Copa América.

O uruguaio Nahitan Nández também entra nesta lista de jovens promessas. Aos 23 anos, o meia é um dos convocados de Oscar Tábarez para a competição sul-americana e deve ser peça importante do time na Copa América. O jogador atua no Boca Juniors e é atual vice-campeão da Libertadores.

Outra promessa joga na Venezuela. O goleiro Wuilker Farinez, que atualmente defende o Millonarios, da Colômbia, já chama a atenção de clubes como o Barcelona. Aos 21 anos, o arqueiro ganhou destaque ao fechar o gol na vitória da sua seleção sobre a Argentina, por 3 a 1. De baixa estatura, o camisa 1 quer brilhar também na Copa América.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.