17/05/2017 15:18:14 - Atualizado em 17/05/2017 16:25:27

Apoio para realização do arraial Flor do Maracujá é discutido na Assembleia

Maurão de Carvalho vai estudar a possibilidade de destinar recursos para o evento

PORTO VELHO, RONDÔNIA- O apoio para a realização da 36ª edição da Mostra de Quadrilhas e Bois-Bumbás do Arraial Flor do Maracujá foi discutido na tarde desta terça-feira (16), durante reunião entre o presidente da Assembleia Legislativa, Maurão de Carvalho, o promotor de justiça, Héverton Aguiar, e o representante da Federação dos Grupos Folclóricos do Estado de Rondônia (Federon), jornalista Sílvio Santos, o popular Zékatraca.

Em pauta, o pedido da Federon para que a Assembleia apoie as quadrilhas e bois-bumbás que se apresentam no Arraial. O presidente disse que irá determinar ao setor jurídico da Casa, que analise a possibilidade legal de o Legislativo repassar recursos próprios para o evento. "Vamos ver a possibilidade, do ponto de vista legal, para contribuirmos com o evento", observou o deputado.

O parlamentar disse ainda que acionará o chefe da Casa Civil do Governo, Emerson Castro, sobre a possibilidade de intermediar o patrocínio privado ao tradicional Arraial.

Estrutura garantida

O palco, iluminação, sonorização, arquibancada e outros equipamentos, foram assegurados através de uma emenda conjunta dos deputados Maurão, Jesuíno Boabaid (PMN) e Léo Moraes (PTB), incluída no orçamento de 2016, mas executada somente neste exercício.

O parlamentar reiterou que a Assembleia está conectada com a cultura popular, não apenas abrindo espaços para a discussão do tema, mas destinando recursos para atividades folclóricas. “Preservar e estimular a cultura popular é uma obrigação do homem público, como forma de contar a nossa história e manter vivas as nossas tradições”, completou.

"São 40 grupos, entre quadrilhas e bois-bumbás. Falta o dinheiro para a confecção das indumentárias e alegorias, que fazem dos temas que são apresentados durante o arraial", disse o representante da Federon.

Zékatraca informou, ainda, sobre as prováveis datas do evento. "São duas datas previstas para o Flor do Maracujá. Se houver patrocínio, a previsão é que as apresentações ocorram em 1º de julho. Sem patrocínio, a previsão é 21 de junho, sem disputa de títulos entre as agremiações, mas somente com exibição, com todo o material utilizado no ano passado".

fonte: Rondonoticias

comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias