RONDONOTICIAS quarta-feira, 17 de julho de 2019 - Criado em 11/10/2001

Rondônia tem mais de 1 milhão de eleitores aptos a votar em 2022

Em 2018, o eleitorado rondoniense cresceu e o aumento foi de mais de 40 mil cidadãos aptos a votar em relação a 2014


TRE/RO

11/02/2019 15:52:58 - Atualizado

RONDÔNIA - As estatísticas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mostram que, em 2018, houve um aumento de mais de 40 mil eleitores aptos a votar em relação às eleições gerais realizadas em Rondônia no ano de 2014. Naquele ano, 1.127.154 eleitores rondonienses estavam em condição de votar no pleito.

O número de cidadãos que são identificados por biometria também cresceu nestas eleições. Em 2018, eles somaram 967.396 eleitores (82,28% do total). Em 2014, o quantitativo de eleitores com identificação digital em municípios com reconhecimento biométrico totalizava 541.566 pessoas, o que correspondia a 48,05% do eleitorado naquele pleito.

A evolução do cadastro biométrico em Rondônia é resultado de ações da Justiça Eleitoral para identificar 100% os eleitores por meio das impressões digitais e fotografia até o ano de 2022. A medida visa prevenir fraudes eleitorais e tornar as eleições informatizadas no Brasil ainda mais seguras, impedindo que um eleitor tente se passar por outro no momento do voto.

Sexo e faixa etária

De acordo com as estatísticas da Justiça Eleitoral, a faixa etária com o maior quantitativo de eleitores em Rondônia é a que reúne cidadãos entre 30 e 34 anos de idade. Eles somam 136.055, o que corresponde a 11,57% do eleitorado no estado. Em seguida, estão os eleitores de 25 a 29 anos, que reúnem 135.469 cidadãos – 11,52 % do total de eleitores.

No que corresponde ao sexo do eleitorado, as mulheres estão à frente dos homens, com 597.684 eleitoras em Rondônia. Já os homens somam 578.048, aptos a votar.

Voto facultativo

Os jovens de 16 e 17 anos representam 1,45% do eleitorado em 2018, num total de 17.028 cidadãos. Os dados apontam uma pequena redução no número de jovens eleitores, uma vez que, em 2014, foram registrados 18.104 eleitores aptos a votar nessa faixa etária.

Já os eleitores acima de 70 anos, que também têm voto facultativo, são mais numerosos que há quatro anos.  Em 2018, 64.382 eleitores nessa idade puderam exercer o direito de voto, representando um total de 5,48% do eleitorado no estado. Já nas eleições de 2014, o somatório chegou 40.016 eleitores idosos que podiam votar.

Eleitorado por município

Sendo o município com a maior população do estado, Porto Velho continua a ser o maior colégio eleitoral rondoniense, com 334.529 eleitores.

O segundo maior eleitorado está em Ji-Paraná (RO), que soma 85.978 votantes, seguido por Ariquemes (RO), com 66.945 cidadãos aptos a votar, de acordo com os dados do TSE. Confira na tabela abaixo:

ABRANGÊNCIA

COM BIOMETRIA

SEM BIOMETRIA

TOTAL

Alta Floresta D’oeste

237

18.552

18.789

Alto Alegre dos Parecis

8.091

6

8.097

Alto Paraíso

11.928

14

11.942

Alvorada do Oeste

197

11.947

12.144

Ariquemes

66.844

101

66.945

Buritis

23.033

32

23.065

Cabixi

4.598

7

4.605

Cacaulândia

3.930

3

3.933

Cacoal

60.774

131

60.905

Campo Novo de Rondônia

7.974

6

7.980

Candeias do Jamari

17.599

84

17.683

Castanheiras

3.056

9

3.065

Cerejeiras

12.207

31

12.238

Chupinguaia

6.466

6

6.472

Colorado do Oeste

13.708

26

13.734

Corumbiara

5.602

5

5.607

Costa Marques

185

8.643

8.828

Cujubim

10.680

14

10.694

Espigão do Oeste

23.247

46

23.293

Governador Jorge Teixeira

155

7.247

7.402

Guajará-Mirim

28.388

121

28.509

Itapuã do Oeste

6.500

20

6.520

Jaru

986

39.151

40.137

Ji-Paraná

85.851

127

85.978

Machadinho D’oeste

23.060

31

23.091

Ministro Andreazza

5.713

14

5.727

Mirante da Serra

142

8.642

8.784

Monte Negro

9.874

15

9.889

Nova Brasilândia D’oeste

245

13.814

14.059

Nova Mamoré

16.966

38

17.044

Nova União

93

5.554

5.647

Novo Horizonte do Oeste

6.599

11

6.610

Ouro Preto do Oeste

614

28.855

29.469

Parecis

3.042

31

3.073

Pimenta Bueno

26.215

54

26.269

Pimenteiras do Oeste

1.746

1

1.747

Porto Velho

333.415

1.114

334.529

Presidente Médici

14.788

25

14.813

Primavera de Rondônia

2.768

5

2.773

Rio Crespo

3.040

3

3.043

Rolim de Moura

38.201

57

38.258

Santa Luzia D’oeste

6.436

7

6.443

São Felipe D’oeste

4.369

3

4.372

São Francisco do Guaporé

260

10.825

11.085

São Miguel do Guaporé

330

16.148

16.478

Seringueiras

124

9.014

9.138

Teixeirópolis

84

4.080

4.164

Theobroma

214

8.089

8.303

Urupá

178

9.115

9.293

Vale do Anari

6.218

7

6.225

Vale do Paraíso

64

6.354

6.418

Vilhena

60.362

102

60.464

Grau de instrução
Dados referentes ao nível de instrução mostram que a maior parte do eleitorado, com registro na Justiça Eleitoral em Rondônia, possui ensino fundamental incompleto, sendo de 340.683 eleitores que declararam ter essa escolaridade. Outros 251.630 eleitores afirmaram ter concluído, pelo menos, o ensino médio. Já os eleitores com ensino superior somam 100.555 cidadãos, segundo a base de dados do Cadastro Eleitoral.

Essas estatísticas, no entanto, precisam ser vistas com relatividade, uma vez que a informação reflete a escolaridade declarada pelo cidadão no momento do registro eleitoral ou da atualização de seus dados cadastrais.

Eleitores brasileiros no exterior
O quantitativo de eleitores brasileiros no exterior teve uma elevação expressiva nos últimos quatro anos, saltando de 354.184, no ano de 2014, para 500.727 eleitores em 2018. Tal dado estatístico é fruto do esforço conjunto entre a Justiça Eleitoral e o Ministério das Relações Exteriores, por meio das repartições consulares, para facilitar o cadastramento de brasileiros residentes em outras nações.

Uma das medidas adotadas foi a criação do Título Net Exterior, que facilitou o alistamento eleitoral e a transferência do eleitor que reside em outro pais. Além disso, a Justiça Eleitoral passou a permitir o uso do e-Título, aplicativo online que substitui o documento em papel, que pode ser baixado para smartphone ou tablet, nas plataformas iOS ou Android. Após baixá-lo, basta inserir os dados pessoais.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.