RONDONOTICIAS domingo, 8 de dezembro de 2019 - Criado em 11/10/2001

Fugas sucessivas obrigam transferência de 150 presos para o Presídio 470


10/04/2019 22:50:56 - Atualizado

PORTO VELHO - RO - Depois de sucessivas fugas da penitenciária Ênio Pinheiro, na capital, dirigentes do Sistema Prisional do Estado decidiram realizar a transferência ainda na noite desta quarta feira, 10,  de pelo menos 150 condenados para o presídio de segurança Máxima Milton Soares de Carvalho - 470, também em Porto Velho.

Por conta disso, foi montada uma "operação de guerra" que contou, além dos integrantes do Grupo de Ações Penitenciárias - GAPE, com os policiais militares que dão apoio às Unidades prisionais de Rondônia.

Nos últimos dias, segundo fontes do Rondonoticias, há registros de fuga de cerca de 56 presidiários e no final da tarde desta quarta feira, 10, soube-se que mais 20 também teriam se evadido do mesmo presídio Ênio Pinheiro.  Daí a razão da transferência.

Matéria em atualização.

 

 


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.