RONDONOTICIAS quarta-feira, 20 de janeiro de 2021 - Criado em 11/10/2001

Polícia Civil apurou 400 denúncias contra Idosos em Rondônia

Na operação nacional, Rondônia está no 8º lugar no cumprimento das medidas para a proteção dos idosos em vulnerabilidade


REDAÇÃO

Publicada em: 04/12/2020 17:56:43 - Atualizado


OPERAÇÃO - Nesta sexta-feira (04), a Polícia Civil do Estado de Rondônia reuniu a imprensa para apresentar os números da Operação Vetus, deflagrada em outubro, envolvendo policiais civis dos 26 Estados e do Distrito Federal, para a apuração de denúncias de crimes de violência contra os idosos em situação de vulnerabilidade.

Os dados do trabalho apresentados pela Polícia Civil, colocaram Rondônia em 8º lugar no ranking nacional, entre os Estados que mais obtiveram êxito na operação para combater a violência contra o idoso.

"Iniciada em outubro, essa operação deflagrada hoje, nacionalmente, é uma resposta às denúncias de maus tratos contra os idosos que foram feitas, nos mais diferentes canais. Pela primeira vez, é realizada uma operação desse porte e os números mostram a capacidade operacional da nossa Polícia Civil", relatou a delegada Rosilei de Lima.

No total foram apuradas 400 denúncias na capital e no interior do estado, incluindo distritos. E instalados 49 inquéritos, com 20 mandados cumpridos, 343 visitas/diligências, 10 termos circunstanciados e cinco pessoas presas.

Foram atendidas 218 vítimas e cumpridas cinco medidas protetivas, na ação que disponibilizou 204 policiais civis empregados na operação. Mais um mandato de prisão estava ainda em aberto, com a Polícia Civil no encalço de um acusado de crimes como estelionato, em Ji-Paraná.

Violência Contra idosos


O delegado Kakionis esclareceu que a violência contra o idoso pode ser física ou psicológica. “Também há muito a presença de crimes de estelionato, com a apropriação do cartão do banco, de documentos e até a falsificação de assinatura, por parte de familiares, para a contratação de empréstimos consignados e outros crimes", disse.

Durante a entrevista o delegado Jeremias contou como os casos de violência acontecem. "É um conjunto de fatores, que quase sempre se inicia com a questão financeira, com a apropriação dos rendimentos do idoso por familiares, e muitas vezes descamba para os maus-tratos, a violência física e psicológica", ressaltou.

Qualquer pessoa pode denunciar os crimes de maus tratos contra os idosos, através do disque 100, do Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos, e também diretamente nas delegacias de Polícia Civil.

Nacional


Em todos os estado foram apuradas 10.802 denúncias, com 3.088 inquéritos instalados, 147 mandatos cumpridos e 12.852 visitas/diligências. Também foram lavrados 2.345 termos circunstanciados, com 449 prisões até o momento. As vítimas atendidas somam 11.755, com 765 medidas protetivas e quase 8 mil policiais civis envolvidos na operação.


MATÉRIAS - DENÚNCIAS - VÍDEOS - FOTOS

Fale com a redação do Rondonotícias redacao@rondonoticias.com.br