RONDONOTICIAS segunda-feira, 20 de maio de 2019 - Criado em 11/10/2001

Audiência Pública debate desafios da cadeia produtiva do leite em RO

Atualmente o litro de leite é vendido por menos de R$ 1 real no estado, enquanto o preço médio em outros, incluindo bonificação por qualidade chega a R$ 1,50


16/05/2019 10:04:12 - Atualizado

                                                                           Foto: Irene Medeiros

PORTO VELHO RO -Rondônia liderou em 2018, o ranking de maior produtor de leite da região norte e 7º maior produtor do país. Preocupados em garantir políticas públicas que garantam apoio aos pequenos e grandes agricultores familiares de Rondônia, os deputados Cirone Deiró (Podemos) e Lazinho da Fetagro (PT), propuseram a realização de uma Audiência Pública, que está sendo realizada na manhã desta quinta-feira (16) no Auditório da Assembleia Legislativa.

O Tema da Audiência será os “Avanços e desafios da cadeia produtiva do leite no Estado de Rondônia”. Segundo o deputado Cirone, presidente da Comissão de Agricultura, o cenário revela a necessidade de uma política de incentivo para o setor, ainda mais por considerar que a grande maioria da produção do leite vem da agricultura familiar com produção média de 50 litros de leite por propriedade/dia. 

Menos de R$ 1,00

Cirone defende uma justa política de preços ao produtor, que atualmente vende o litro de leite a menos de R$ 1 real, enquanto o preço médio em outros Estados, incluindo bonificação por qualidade pode chegar até a R$ 1,50. 

De acordo com o deputado Lazinho da Fetagro, o volume de leite produzido e de aproximadamente 650 milhões de litros por ano, uma média de 1,8 milhões litros de leite/dia. O dado detalha que a pecuária leiteira corresponde a 56% da fonte de renda no meio agropecuário no Estado tornando a atividade um dos pilares do setor produtivo. Mas, apesar da relevância da pecuária leiteira, sérios problemas são enfrentados, como o alto custo de produção aliado ao baixo preço pago ao produtor pelo litro de leite. 

 “Precisamos proteger e fortalecer nossa cadeia produtiva do leite. Na audiência, discutiremos com responsabilidade os rumos desta atividade que compõe nosso setor, responsável pelo fortalecimento da nossa economia e pelo desenvolvimento do nosso Estado”, concluiu Lazinho da Fetagro.


Fonte: Decom ALE


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.