19/12/2016 09:41:46 - Atualizado em 19/12/2016 11:22:05

Mulheres grávidas, veja o que é recomendado pelos médicos, nas festas de fim de ano

O Natal é um momento de conflito em questão de alimentação e dietas, e se você estiver grávida, muito mais.

A idéia de que não se deve exagerar com as mudanças que introduzimos na alimentação durante a gravidez não serve no caso do Natal, que é uma época cheia de excessos e mudanças nas comidas.

No Natal, mais do que nunca, a gestante deve cuidar da sua alimentação para evitar riscos desnecessários. Devido a uma alimentação inadequada, o feto pode se ver afetado no seu desenvolvimento. Pode sofrer más formações e inclusive existe risco de aborto.

No Natal, principalmente em lugares próximos de praia, muita gente gosta de incluir mariscos nas festas, mesmo não sendo tradicional. Se você estiver grávida neste Natalnão tem por que pular os pratos de marisco do cardápio de Natal. Mas, para não correr riscos, basta que não abuse e evite comer marisco cru.

Na realidade, qualquer alimento cru é um risco para a gravidez, por isso neste Natal é bom comer carnes bem passadas, assim também como os peixes. Dê preferência a alimentos bem cozidos. Neste sentido também convém evitar o salmão defumado, muito usado nas saladas. O peru bem assado continua sendo uma ótima pedida para a mesa da gestante e no dia seguinte a futura mamãe poderá aproveitar para fazer uma deliciosa salada com ele.

O objetivo é evitar certos alimentos, como carnes e peixes crus ou mal passados, o salmão ou o presunto para evitar doenças como a toxoplasmose que podem prejudicar o desenvolvimento do bebê. Não fique constrangida em recusar alguns alimentos no Natal e não se deixe levar pelo espírito natalino porque cuidar da sua alimentação é importantíssimo.

Você também deve ter cuidado com os produtos lácteos, que não podem ser elaborados com leite sem pasteurizar. Evite qualquer queijo fresco e procure com que qualquer sobremesa caseira esteja pasteurizada. A mesma coisa acontece com os patês, que por mais práticos que sejam para manejar em qualquer mesa de Natal, para a gravidez serão menos perigosos quanto mais processados estiverem.

Não se esqueça de manter certos hábitos fundamentais neste Natal porque estas festas se caracterizam por relaxar os costumes e adotar hábitos prejudiciais. Não permita que fumem nas reuniões familiares e não prove nenhuma gota de álcool sequer, nem sequer o champagne, porque podem colocar em perigo a gestação.


comentar

comments powered by Disqus

Ultimas Notícias