RONDONOTICIAS terça-feira, 21 de maio de 2019 - Criado em 11/10/2001

Léo Moraes vota a favor da Reforma e é acusado de trocar voto por emendas

Nas redes sociais, Léo Moraes recebeu uma série de críticas. Texto segue para a análise de comissão especial a ser instalada nesta quinta, 25


25/04/2019 10:58:45 - Atualizado

BRASÍLIA DF - O deputado federal Léo Moraes (Podemos), que em reuniões com servidores públicos se apresenta como defensor da categoria na Reforma da Previdência votou a favor do Governo, na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara dos Deputados nessa terça-feira (23).

Nas redes sociais, Léo Moraes recebeu uma série de críticas e acusações, entre elas, a de que teria trocado o voto para obter liberação de emendas parlamentares.

Antes da votação, o deputado federal Expedito Netto (PSD), que nas mesmas reuniões com os servidores tem se posicionado firmemente contra a reforma, por considerá-la prejudicial, foi substituído na CCJ por um parlamentar favorável ao Governo.
Por 48 votos a 18, a admissibilidade da Reforma da Previdência proposta pelo Governo Bolsonaro foi aprovada pela Comissão de Constituição e Justiça.
O texto, em tramitação na Câmara há dois meses, segue para a análise de comissão especial a ser instalada nesta quinta (25), segundo a líder do Governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP).


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.