RONDONOTICIAS quinta-feira, 12 de dezembro de 2019 - Criado em 11/10/2001

Operação do MPRO cumpre Mandado de Busca e Apreensão em desfavor de Edgar do Boi

Determinação judicial foi cumprida na residência e no gabinete do vice-prefeito


Rondonoticias

03/12/2019 11:31:55 - Atualizado

RONDÔNIA - Em Operação denominada “Boi Gordo”, desencandeada na manhã desta terça-feira (03), o Ministério Público do Estado de Rondônia (MP/RO), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), com apoio da Polícia Civil, cumpriu Mandado de Busca e Apreensão em desfavor do vice-prefeito de Porto Velho, Edgar Nilo Tonial (Edgar do Boi/PSDC - foto).

A determinação judicial foi cumprida na residência e no gabinete do vice-prefeito. Dezenas de documentos, computadores e celulares foram apreendidos. Em entrevista coletiva concedida à imprensa às 10 horas da manhã de hoje na Sede do MPRO em Porto Velho, o promotor de Justiça João Francisco Afonso confirmou que Edgar do Boi é investigado em esquema para barrar a fiscalização sobre ICMS, gerando sonegação de imposto ao estado.

Conforme o promotor, a Operação envolvendo a prática de uma organização criminosa em crimes contra a administração pública como: corrupção ativa e passiva, falsidades ideológica e documental, entre outros, em desfavor do Erário Estadual.

Ele esclareceu que, por meio de conteúdo probatório aportado junto ao Ministério Público Estadual, revelou-se estrutura criminosa no estado, envolvendo empresários do ramo de Frigoríficos e servidores públicos, a qual, durante anos, impediu fiscalizações do ICMS, e, assim, possibilitou a sonegação expressiva deste imposto, mediante pagamento de milhões de reais à título de propina.

Além da capital, estão sendo cumpridos medidas de busca e apreensão em Ariquemes, onde um ex-delegado da Fazenda, também é acusado de estar envolvido no esquema.


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.