• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 24 de fevereiro de 2024

Mãe e filhas são estupradas e mortas no Mato Grosso; veja o que se sabe sobre o caso

Família foi assassinada por um pedreiro em Sorriso, no interior do estado; autor, que confessou os crimes, tinha passagem por estupro


cnn

Publicada em: 30/11/2023 11:14:49 - Atualizado

BRASIL: Uma mulher de 46 anos e suas três filhas foram brutalmente assassinadas por um pedreiro em Sorriso (MT), cidade localizada a cerca de 400 quilômetros da capital Cuiabá.

Os corpos foram encontrados na segunda-feira (27) na casa da família, no bairro Florais da Mata. A polícia foi chamada por vizinhos que notaram o sumiço das três vítimas durante o fim de semana. O assassino, que confessou a ação, tinha passagem por crime sexual e latrocínio.

Veja o que se sabe sobre o caso:

Como foi o crime

Segundo a Polícia Civil do Mato Grosso, o criminoso, identificado como Gilberto Rodrigues dos Anjos, confessou o crime. Ele afirmou que entrou na casa pela janela do banheiro na noite de sexta-feira (24), com a intenção de assaltar as vítimas. Disse ainda que estava sob efeito de drogas.

O criminoso relatou que, após entrar na casa, foi confrontado pela mulher de 46 anos e a atacou com uma faca. A filha mais velha, de 19, saiu do quarto para socorrer a mãe e também foi golpeada.

Ele relatou à polícia que, após matar a mãe e a jovem de 19 anos, assassinou também as duas filhas mais novas, sendo uma de 13 e outra de 10 anos.

“Depois de esfaquear três vítimas e, quando ainda estavam agonizando, ele cometeu abuso sexual contra a mãe e duas filhas. Já a menor de 10 anos morreu asfixiada”, diz a corporação.

Após os crimes, Gilberto fugiu da casa pela mesma janela por onde entrou e voltou para a obra em que trabalhava. Lá, retirou as roupas sujas de sangue e as jogou em um contêiner.

Quem eram as vítimas

As mulheres assassinadas foram identificadas como:

  • Cleci Calvi Cardoso, 46 anos
  • Miliane Calvi Cardoso, 19 anos
  • Manuela Calvi Cardoso, 13 anos
  • Melissa Gabriela Cardoso, 10 anos

O pai das crianças –e marido de Cleci– é um caminhoneiro e estaria em viagem durante o crime.

Em uma rede social, Miliane informou que cursava faculdade de Agronomia e que estava no segundo período.

Manuela e Melissa estudavam na escola Nova Dinâmica, localizada no bairro Centro Sul, em Sorriso.

A escola fez uma postagem nas redes sociais após o crime, manifestando pesar pela ocorrência.




Fale conosco