• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 12 de julho de 2024

Esperteza de "Fúria" em fazer propaganda antecipada encontra o braço da justiça

Esta medida impõe um limite à estratégia de Fúria, forçando-o a conter suas atividades de promoção pessoal até o início oficial da campanha...


Redação Rondonoticias

Publicada em: 23/06/2024 09:39:08 - Atualizado

Imagem: reprodução de internet

PORTO VELHO-RO: O prefeito de Cacoal, Adailton Fúria, conhecido por sua habilidade em marketing e esperteza política, sofreu uma derrota significativa antes das eleições de outubro. O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) proibiu Fúria de fazer propaganda, inclusive em suas redes sociais pessoais, de ônibus que transportam doentes, prática vedada pela legislação eleitoral.

A decisão do TRE veio após constatar que Fúria estava utilizando seu cargo de maneira astuta para fazer campanha antecipada, pedindo votos de forma indireta antes do início oficial da campanha. 

Fúria tem usado intensivamente as redes sociais como plataforma para promover suas realizações, sempre destacando qualquer medida, investimento ou obra em Cacoal com vídeos efusivos que caíram nas graças da população.

Com a nova decisão, Fúria está proibido de usar as redes sociais para divulgar suas ações como forma de campanha eleitoral. Se desobedecer a determinação do TRE, o prefeito enfrentará uma multa diária de 20 mil reais. Esta medida impõe um limite à estratégia de Fúria, forçando-o a conter suas atividades de promoção pessoal até o início oficial da campanha.

A esperteza e a fúria do ex-prefeito em tentar burlar a Lei Eleitoral, encontrou pela frente o braço da justiça e multa por reincidência.


Fale conosco