• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, terça-feira 23 de julho de 2024

“O governo só precisa não atrapalhar o empreendedorismo”, diz Presidente da AJE

Apresentado pelo jornalista e advogado Arimar Souza de Sá, o programa A Voz do Povo recebeu nesta terça...


Redação

Publicada em: 19/06/2024 11:25:18 - Atualizado

PORTO VELHO, RO: Apresentado pelo jornalista e advogado Arimar Souza de Sá, o programa A Voz do Povo recebeu nesta terça-feira (18) o advogado Everton Melo da Rosa, presidente da Associação de Jovens Empresários em Rondônia.

Empreender do setor de marketing e pecuária, Everton Melo da Rosa é especialista do mercado e as nuances do empreendedorismo, que de acordo com ele, é uma atividade que gera receita para as pessoas que mostram vontade, coragem e habilidade no segmento em que atua.

“Com isso eu acabei fazendo parte da associação de jovens empresário, que reúne pessoas como os mesmos objetivos, para uma troca de ideias e experiências, que muitas vezes os cursos ou faculdades não oferecem”, disse Everton Melo da Rosa.

Sobre a necessidade da participação do poder público no fomento do empreendedorismo, Everton Melo da Rosa, afirmou que a melhor ajuda que o Governo pode dar ao empreendedor é não atrapalhar o desenvolvimento do negócio.

“Acho que o poder público não atrapalhando já permite muita coisa no sentindo de abrir empresa, emitir alvará, entre outras documentações. As vezes o empreendedor está preocupado em vender o produto dele, mas também tá preocupado com a burocracia, por isso se o poder público puder facilitar já ajuda bastante”, desabafou Everton Melo da Rosa.

A capacitação de novos empreendedores também foi um tema abordado por Everton Melo, que afirmou enxergar muitos cursos disponíveis sobre o tema que acabam retardando o desempenho de futuros empreendedores.

“No empreendedorismo a gente já demanda na prática, tudo que se apreende nessa área o ideal é já aplicar. Hoje vemos muita gente buscando empreender em segmentos saturados, por isso a capacitação é um objetivo de nossa associação”, falou Everton Melo da Rosa.


Fale conosco