• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 12 de julho de 2024

Mandato pífio prejudica ambições de Bagattoli para o governo de Rondônia em 2026

Se mantendo vivo na memória afetiva rondoniense pelo fato de ser amigo pessoal de Bolsonaro e não por ser um atuante...


Rondonoticias

Publicada em: 11/07/2024 08:36:48 - Atualizado

PORTO VELHO-RO: Eleito com enorme expectativa por ser um empresário de sucesso e um dos principais aliados de Bolsonaro em Rondônia, o senador Jaime Bagattoli-PL, vem decepcionando com um mandato apagado que escancarou a sua inabilidade política para usar seu poderoso instrumento de poder em prol do Estado.

Se mantendo vivo na memória afetiva rondoniense pelo fato de ser amigo pessoal de Bolsonaro e não por ser um atuante senador da direita em Brasília, Bagattoli já vem colocando em xeque sua possível candidatura ao governo de Rondônia em 2026.

O questionamento de seus próprios correligionários no Estado é de que apenas a sua amizade com Bolsonaro não seria suficiente para enfrentar as forças políticas que já estão se alinhando para a eleição ao governo.

Em Brasília, Bagattoli é apagado, sem articulação e desde que assumiu o mandato vem sendo um figurante nos embates do Senado em defesa dos ideais apontados por ele próprio na campanha. Sem impacto e carisma, seu desempenho também é pífio nas redes sociais.

Se desejar mesmo disputar o governo de Rondônia, com pretende, é necessário que o senador comece a se tornar protagonista do seu mandato, caso contrário será engolido nas urnas pela sua própria inércia.


Fale conosco