• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 20 de abril de 2024

Apesar de apanhar por 36 segundos, Bambam faturou bolada de R$ 3 milhões de reais em luta com Popó

Luta entre ex-boxeador e primeiro campeão do BBB só durou 36 segundos, mas garantiu bolsas pesadíssimas a ambos


r7

Publicada em: 26/02/2024 11:09:04 - Atualizado

Se milhares de pessoas se frustraram com a luta entre Acelino Popó Freitas e Kleber Bambam, que durou míseros 36 segundos, é possível afirmar que o evento foi extremamente positivo - e lucrativo - para o boxeador aposentado e para o fisiculturista.

Apesar da derrota vexatória, Bambam faturou algo próximo a R$ 3 milhões como prêmio pela participação e também com seus patrocinadores, entre eles a Nike e o site Only Fans. Uma semana antes de subir ao ringue, o próprio Bambam admitiu que já tinha garantido uma bolsa cerca de três vezes maior do que o prêmio pela vitória no Big Brother Brasil - ele ganhou a primeira edição do programa, em 2002, quando levou R$ 500 mil.

Já Popó viu seu patrimônio crescer consideravelmente desde que passou a fazer lutas de exibição organizadas pelo Fight Music Show. Em 2020, quando se candidatou a vereador na Bahia, ele declarou que tinha R$ 6 milhões. Depois de enfrentar Whindersson Nunes, José Pelé Landy, Junior Dublê e Bambam, estima-se que ele já tenha praticamente dobrado seu patrimônio.

A maior bolsa teria sido contra Whindersson. Inicialmente, a luta ocorreria em dezembro de 2021, no exterior, com US$ 1 milhão garantido para cada um dos lutadores. Mas o humorista/youtuber não conseguiu data em sua agenda e a luta precisou acontecer um mês depois, em Santa Catarina, com cotas bem menores. Especula-se que Popó faturou algo próximo a R$ 2 milhões.


Fale conosco