• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 23 de fevereiro de 2024

Governo de Rondônia garante penhora de mais de R$ 200 milhões para beneficiar população

A Procuradoria propôs um plano de pagamento condicionado à concessão de benefícios fiscais...


SECOM

Publicada em: 03/12/2023 11:11:48 - Atualizado

PORTO VELHO-RO: O governo do Estado de Rondônia, por meio da Procuradoria Geral do Estado - PGE/RO, obteve uma conquista significativa em uma ação de execução fiscal em desfavor da Empresa de Distribuição de Energia Elétrica de Rondônia, que gerou mais de R$ 200 milhões de reais para os cofres públicos. O valor total executado é de aproximadamente R$ 222 milhões, referente ao crédito tributário inscrito na Dívida Ativa.

A Procuradoria propôs um plano de pagamento condicionado à concessão de benefícios fiscais. Contudo, diante do não cumprimento do referido plano e da percepção da PGE/RO quanto a um comportamento contraditório, caracterizado pela procrastinação no cumprimento da obrigação, o Estado requereu o bloqueio de valores através do Sistema de Busca de Ativos do Poder Judiciário (SISBAJUD).

A primeira tentativa de bloqueio foi ineficaz, levando a Fazenda a requerer uma segunda tentativa. Posteriormente, foi efetuado o bloqueio efetivo, via SISBAJUD, alcançando o montante de mais de R$ 85 milhões, que foi convertido em penhora, com a liberação de um pouco mais de R$ 1 milhão do montante inicialmente bloqueado.

A PGE/RO, então, solicitou a penhora sobre os valores pendentes de transferência à empresa pela Câmara de Comercialização de Energia Elétrica (CCEE), pedido que foi deferido. A empresa, por sua vez, apresentou embargos de declaração que foram rejeitados.

Após a intimação, a CCEE realizou o depósito dos valores em conta vinculada ao juízo de Execução Fiscal, totalizando um valor de mais de R$ 201 milhões. Diante desse cenário, a PGE/RO propôs a transferência dos valores excedentes para outros autos processos relacionados. Essa medida, respaldada por jurisprudência consolidada, visa assegurar a eficiência da execução fiscal, sem prejudicar os direitos da devedora.

O desfecho do processo de execução fiscal destaca-se como um exemplo do trabalho da PGE/RO na busca pela efetividade da cobrança de créditos tributários e do equilíbrio das relações fiscais. A atuação da Governo do Estado garante que os recursos obtidos sejam utilizados em políticas públicas para beneficiar a população rondoniense.


Fale conosco