• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 19 de julho de 2024

O Dia na História - Compilação do Jornalista Lúcio Albuquerque


Lúcio Albuquerque

Publicada em: 18/06/2024 11:54:04 - Atualizado

1925 – Com recursos da “caixa escolar”, a Escola Municipal “Dr. Jonathas Pedrosa” (PVh) premiou com livros e um passeio de trem os melhores alunos do semestre.

1942 – Faltam gasolina e querosene em Porto Velho, o que prejudica toda a economia da cidade.

1950 – O governador Araújo Lima manda instalar geradores de energia elétrica em todas as comunidades do Território, beneficiando mais de 10 vilas.

1981 – Com mais de 300 filiados, o PT realiza encontro estadual para definir candidatos à disputa do ano que vem, tendo como certo que terá candidato ao governo.

1983 – Dividido em 3 alas o PDS, base política do governo, fica em situação ainda pior: o presidente regional senador Claudionor Roriz, quer ser reeleito presidente.

1987 – Duas notas: 1) Continua a greve no Controle Externo do TCE/RO; 2) No Executivo o secretário de Administração Antonio Morimoto ameaça demitir servidores reprovados no concurso interno.

1990 – O senador Olavo Pires, candidato a governador, garante vencer no 1º turno, e, como sempre, nega ser traficante de drogas, como assim o chamam seus adversários.

HOJE É
Dia Mundial do Orgulho Autista. Dia Nacional da Imigração Japonesa. Dia do Químico no Brasil. Dia da Gastronomia Sustentável. Dia Nacional do Tambor de Crioula.
Católicos celebram Santa Marina, São Gregório João Barbarigo, Santos mártires Marcos e Marceliano,

BRASIL
1911 – Fundada, em Belém, a maior denominação evangélica do Brasil, a Assembleia de Deus. 1908 – Chega a Santos o navio Kasato-Maru, com os primeiros imigrantes japoneses ao Brasil. 1979 – Morre Procópio Ferreira (n. 1898), o grande nome do teatro brasileiro.

MUNDO
1815 – Depois de perder a batalha de Waterloo, Napoleão Bonaparte abdica do trono da França pela 2ª vez.

FOTO DO DIA

IDEIA MALUCA QUE DEU CERTO (IV)

O 1º que me falou dessa viagem maluca do Milton Alves com o Vinícius Danin foi o Ubiratan – Bira – Sampaio, editor do jornal A Tribuna onde o Danin era chefe de redação e eu, repórter.

Bira falava do I Copão de Futebol da Amazônia (1975, quatro antes de eu aportar aqui) coordenado pelo Danin , e eu disse: “Esse chefe então já faz parte da nossa história”. Aí o Bira começou a contar a “viagem maluca”.

Dias depois perguntei ao Danin contou a história, destacando seu parceiro Milton Alves. “Na noite anterior eu o compadre Euro (Tourinho) fomos fazer minha despedida, e só parei quase de manhã”.

Sobre a “vespa”, “Fizemos um fiado na loja que vendia aqui, não sei em quantas prestações, mas quando chegamos de volta a fábrica já havia mandado sustar as prestações”.

Em Brasília, foram muitas entrevistas, sendo depois levados a São Paulo pela fabricante da “vespa”, retornando de avião. “O aeroporto do Caiari ficou pequeno para nós dois”, ria Danin, um grande bon-vivant.

(F. Jornal Alto Madeira diz como foi o “bota fora” da dupla, à base de tartarugada)



Fale conosco