• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, quinta-feira 20 de junho de 2024

Corinthians envia proposta à Caixa Econômica para quitar pagamento da Arena

Corinthians envia proposta à Caixa Econômica para quitar pagamento da Arena


cnn

Publicada em: 17/11/2023 16:13:56 - Atualizado


O Corinthians deu um passo importante para a quitação da Neo Química Arena. Nesta sexta-feira (24), a Caixa Econômica Federal emitiu comunicado informando que recebeu uma proposta do clube paulista para renegociação da dívida do estádio. A instituição bancária irá analisar a oferta mediante avaliações técnicas.

“A Caixa Econômica Federal (CAIXA) comunica à sociedade brasileira, aos seus clientes e empregados, e ao mercado em geral que, na manhã desta sexta-feira, 17/11/2023, representantes da CAIXA e do Corinthians se reuniram, tendo o Clube Esportivo apresentado uma proposta formal para a quitação do saldo devedor da dívida do Contrato de Financiamento firmado para a construção do Estádio Arena Corinthians. A proposta será encaminhada internamente para avaliações técnicas.”

O presidente corintiano Duílio Monteiro Alves explicou ao apresentador João Vítor Xavier o novo acordo que o Corinthians faria com a Caixa Econômica Federal para o pagamento da dívida referente à Neo Química Arena.

“A Neo Química é um fundo e nós temos hoje uma dívida de R$ 700 milhões, considerando que temos quase R$ 500 milhões de naming rights para abater dessa dívida. Então são mais ou menos R$ 250 milhões da Neo Química Arena”, disse Duílio.

“Nesse novo acordo, a gente vai destinar entre 50% e 60% da receita de bilheteria de jogos para a Caixa anualmente para que a gente possa quitar essa dívida. Esse é o primeiro ano do acordo. Nós fizemos um primeiro pagamento em março de R$ 25 milhões e agora em junho foram mais R$ 25 milhões. Na conta que foi feita pelo clube, auxiliado pela KPMG e pela Caixa, é que por volta de 50% do que for arrecadado em bilheteria pagaria a parcela anual e sem precisar mexer nas outras partes do estádio. São mais 17 anos de pagamento”, completou o dirigente.


Fale conosco