• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 15 de junho de 2024

Invasores ‘demarcaram’ cerca de 100 lotes para grilagem dentro de Terra Indígena em RO

A área desmatada dentro da terra protegida é equivalente a cerca de 800 campos de futebol, segundo a PF. Invasores abriram estrada de ponta a ponta na Terra Indígena...


G1 RO

Publicada em: 29/05/2024 18:09:57 - Atualizado

Foto: PF/Divulgação

RONDÔNIA: A Polícia Federal (PF) fez a segunda operação do mês contra invasões dentro da Terra Indígena Igarapé Lage, em Rondônia, entre os dias 26 e 28 de maio. Os agentes perceberam a área invadida foi dividida em cerca de 100 lotes para grilagem de terras.

A área desmatada dentro da terra protegida é equivalente a cerca de 800 campos de futebol, segundo a PF. Um corredor de 20 km foi criado dentro da TI, de ponta a ponta, para escoar a madeira ilegal e facilitar o acesso à área invadida.

A Terra Indígena Igarapé Lage fica localizada entre Nova Mamoré (RO) e Guajará-Mirim (RO). Durante a Operação Retomada II, os agentes destruíram:

5 pontes,

5 habitações,

2 galpões e

3 veículos.

Essa é a segunda operação do mês realizada na TI Igarapé Lage. A primeira foi realizada dos dias 16 e 17 de maio. Dentro da Terra Indígena, foram encontrados diversos pontos de extração ilegal de madeira. Para impedir a ação da polícia, os invasores derrubaram várias árvores pelo caminho.

Somente este ano, quatro operações já foram realizadas dentro da área de proteção, segundo a PF. Os suspeitos podem responder por invasão de terras públicas com intenção de ocupação e o desmatamento clandestino.


Fale conosco