• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 24 de fevereiro de 2024

Reino Unido proíbe a raça american bully XL; mais de 240 cães podem ser sacrificados no país

A partir de 31 de dezembro de 2023 será ilegal realojar, vender, comprar ou transferir um cachorro desse tipo para outra pessoa


r7

Publicada em: 04/12/2023 10:26:17 - Atualizado

MUNDO: O Reino Unido decidiu banir a raça american bully XL na Inglaterra e no País de Gales. A decisão, confirmada na última terça-feira (28), acontece depois de alguns casos de ataques envolvendo esses animais, como o ocorrido em setembro, quando uma menina de 11 anos foi gravemente ferida.

Os american bullies dividem-se em quatro espécies caninas, standard, pocket, clássico e XL. A decisão vale apenas para os últimos, que podem chegar a pesar mais de 60 kg.

Além disso, a partir de 1º de fevereiro de 2024, será ilegal ser tutor de um cão dessa raça, a menos que seja solicitado um registro no Índice de Cães Isentos, onde é necessário cumprir um conjunto rigoroso de regras, até ao fim de janeiro. Entre as obrigações, está manter os cachorros amordaçados, castrados, microchipados e mantidos na coleira o tempo todo em público.

Quatro tipos de cães já estão proibidos no Reino Unido — o pit bull terrier, o tosa inu, o dogo argentino e o fila brasileiro.

Mais de 240 cães podem ser sacrificados

Os ministros britânicos ainda disseram que será oferecido um valor de 200 libras (cerca de R$ 1.250, segundo a cotação atual) em compensação aos tutores que decidirem sacrificar seus american bullies XL, já que quem não cumprir a lei terá seu animal apreendido e receberá uma multa ilimitada.


Fale conosco