• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sexta-feira 19 de julho de 2024

Presidente Joe Biden regulariza milhares de imigrantes de olho nas eleições dos Estados Unidos

O Governo estima que cerca de 500 mil imigrantes poderão beneficiar das novas regulamentações


IG

Publicada em: 18/06/2024 16:26:36 - Atualizado


MUNDO: Joe Biden, presidente dos Estados Unidos, anuncia esta terça-feira (18) reformas que visam simplificar a obtenção de residência ou de autorização de trabalho para centenas de milhares de imigrantes, como cônjuges de norte-americanos e licenciados em universidades locais, incluindo os “sonhadores”, aqueles que entraram no país sendo crianças.

Com esta mudança, os imigrantes sem autorização de residência casados ​​com norte-americanos, bem como os seus filhos, poderão obtê-la sem ter que sair do país para solicitá-la.

Estas mudanças beneficiarão aqueles que vivem “no país há pelo menos 10 anos e são casados ​​com um cidadão americano antes de 17 de junho de 2024”, informa a Casa Branca.

O Governo estima que cerca de 500 mil imigrantes, além de “cerca de 50 mil enteados de cidadãos americanos”, poderão beneficiar das novas regulamentações.

As autoridades analisarão todos os pedidos caso a caso. Aqueles que receberem a aprovação terão três anos para solicitar a residência permanente, período durante o qual poderão permanecer nos Estados Unidos e se qualificar para uma autorização de trabalho de até três anos.

Uma vez obtida a residência permanente, também conhecida como green card, o beneficiário pode solicitar a cidadania.

“O que estamos a anunciar são processos potencialmente simplificados” para “minimizar a burocracia, minimizar as dificuldades criadas pela necessidade de sair do país”, explicou um responsável que pediu anonimato aos jornalistas antes do anúncio.

Estas mudanças beneficiarão aqueles que vivem “no país há pelo menos 10 anos e são casados ​​com um cidadão americano antes de 17 de junho de 2024”, informa a Casa Branca.

O Governo estima que cerca de 500 mil imigrantes, além de “cerca de 50 mil enteados de cidadãos americanos”, poderão beneficiar das novas regulamentações.

As autoridades analisarão todos os pedidos caso a caso. Aqueles que receberem a aprovação terão três anos para solicitar a residência permanente, período durante o qual poderão permanecer nos Estados Unidos e se qualificar para uma autorização de trabalho de até três anos.

Uma vez obtida a residência permanente, também conhecida como green card, o beneficiário pode solicitar a cidadania.

“O que estamos a anunciar são processos potencialmente simplificados” para “minimizar a burocracia, minimizar as dificuldades criadas pela necessidade de sair do país”, explicou um responsável que pediu anonimato aos jornalistas antes do anúncio.


Fale conosco