• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, quarta-feira 22 de maio de 2024

O entra-e-sai de Fonseca; deputados mudaram e ALE de Rondônia fica com 10 siglas...


Por Sérgio Pires

16/04/2024 10:39:07 - Atualizado

EXAGERO OU REALIDADE? DEPUTADO DIZ NO PARLAMENTO EUROPEU QUE O BRASIL ESTÁ SE TRANSFORMANDO EM DITADURA!

Foi um depoimento eivado de emoção e de opiniões duras contra o que está acontecendo no Brasil, nos dias de hoje. Um dos mais radicais opositores ao atual governo e às decisões do STF (principalmente as emanadas de sentenças do ministro Alexandre de Moraes), o deputado Gustavo Gayer fez um pronunciamento histórico no Parlamento Europeu, nesta semana, com pesadas acusações e nominando em determinado momento, certamente com exagero neste particular, que o Brasil hoje tem uma ditadura pior do que a Venezuela, porque disfarçada sob uma pretensa defesa da democracia. Foi um depoimento tão forte e contundente que a mídia aliada ao governo Lula (Folha de São Paulo e UOL, primeiro e depois outros veículos que passaram do noticiário para o partidarismo noticioso) correu a criticar o jovem parlamentar, dizendo que ele havia mentido e inventado uma situação que não existe.

“Há centenas e centenas de prisioneiros políticos hoje no nosso país”, denunciou em determinado trecho do discurso. Depois de denunciar uma série de atos que comprovariam sua tese de ditadura, Gayer ironizou: “vocês podem achar que estou falando da Nicarágua, de Cuba ou da Venezuela, mas estou falando do Brasil!”. Também avisou que tanto ele quanto seus colegas deputados que o acompanharam na missão (Bia Kicis, Ricardo Sales, Eduardo Bolsonaro e Júlia Zanatta), todos da oposição, é claro, correram o risco de serem presos antes de saírem do país para a participar no encontro europeu e que podem ser presos tão logo retornem ao seu país, obviamente com a intenção de enfatizar as graves denúncias que fez.

Durante cerca de 15 minutos, falando num inglês perfeito (ele é Professor de Línguas), Gustavo Gayer ousou comparar os atos do ministro Alexandre de Moraes com o ditador venezuelano Nicolas Maduro. Questionou: por que é que Alexandre de Moraes, fazer o que ele faz, é clara defesa da democracia e do Estado de Direito e quando Maduro faz o mesmo, é ditadura?”. A dureza das palavras do deputado continuou, com pesadas críticas, inclusive sobre a nova questão que está envolvendo o ex-Twitter de Elon Musk e o poderoso ministro brasileiro.

No link https://www.youtube.com/watch?v=bt3z87n6idI&ab_channel=CarlaZambelli se pode assistir a íntegra do discurso, perigoso para ele, mas também cheio de coragem e ousadia, de um jovem parlamentar brasileiro que diz falar em nome da liberdade. Vamos aguardar agora as reações...

ENTRA E SAI: MINISTRO DO STF DETERMINA VOLTA DE ISAU FONSECA AO COMANDO DA PREFEITURA DE JI-PARANÁ

Infelizmente, não é brincadeira! São apenas decisões judiciais opostas, uma mandando fazer uma coisa, outra mandando fazer outra. A Justiça de Rondônia determinou o afastamento do prefeito Isau Fonseca de Ji-Paraná duas vezes, neste seu mandato. Na primeira vez, ele ficou afastado quase um ano. Retornou ao cargo e pouco mais de dois meses depois, outra operação do MP e Polícias foi deflagrada, o retirando da cadeira de Prefeito pela segunda vez. Agora, menos de 30 dias depois, Isau está de volta. O mesmo ministro Cristiano Zanin, do STF, que determinou seu retorno anteriormente, o fez novamente, atendendo ação do advogado Nelson Canedo, que representa Isau na causa. Ou seja, o vice-prefeito Joaquim Teixeira, hoje o maior inimigo político de Isau, sai pela segunda vez do cargo interino onde tinha sido colocado por decisões judiciais locais. Mais ou menos 700 servidores nomeados por Isau ficaram menos de dois meses no cargo. Quando Joaquim assumiu, demitiu a todos. Agora, retornando à Prefeitura, Isau vai demitir todos os contratados pelo adversário e nomear novamente todos os seus. É uma espécie de brincadeira causada pela política, na vida das pessoas, logicamente as que ocupam cargos comissionados. Isau volta a ser candidatíssimo à reeleição. Até, é claro, a próxima decisão judicial...

TROCA DE PARTIDOS: DEPUTADOS MUDARAM E HOJE A ASSEMBLEIA LEGISLATIVA TEM 10 SIGLAS REPRESENTADAS

A troca de partidos chegou também na Assembleia Legislativa, todas feitas dentro do prazo legal de 6 de abril. A principal delas foi do presidente Marcelo Cruz, que deixou o Solidariedade e ingressou no PRTB, partido pelo qual pretende disputar a Prefeitura de Porto Velho. O União Brasil permanece com a maior bancada, com cinco parlamentares: Ieda Chaves, Cirone Deiró, Ezequiel Neiva, Gislaine Lebrinha e Rosângela Donadon. É a única bancada onde predominam as mulheres. O Podemos conseguiu a adesão de mais dois deputados: o líder do Cone Sul, Luizinho Goebel e a representante de Guajará, Dra.Taissa; Agora tem três, com Alan Queiroz. Três também são os emedebistas: Ismael Crispin, Jean Oliveira e Luis do Hospital e o PRD, com Pedro Fernandes, Edevaldo Neves e Ribeiro do Sinpol e, ainda do PSD com Laerte Gomes, Nim Barroso e Cássio Góis. Bancadas com dois: o PL com Afonso Cândido e Jean Mendonça; Republicanos, com Alex Redano e Delegado Camargo. Ainda estão representados o PP (Delegado Lucas e o PT (Cláudia de Jesus). No total, a composição da Assembleia rondoniense agora conta com dez partidos representados. Os governistas continuam sendo a grande maioria, já que a oposição conta hoje com, no máximo, quatro representantes.

MPF JULGA IMPROCEDENTES TODAS AS ACUSAÇÕES CONTRA GOVERNADOR E VICE NO TSE

O parecer emitido pelo MPF com atuação no TSE vai ao encontro dos fundamentos da defesa e da atual jurisprudência do próprio TSE, de modo que pensar em cassação dos mandatários do estado seria absurdo”. A afirmação é do advogado Nelson Canedo, advogado do governador Marcos Rocha e do vice, Sérgio Gonçalves, em mais uma vitória junto à Justiça Eleitoral, em que houve pedidos de cassação do mandato de ambos. Nesta nova etapa, o Ministério Público Federal que atua junto ao TSE, não acatou nenhuma das teses propostos por políticos adversários e nem de seus partidos, em relação ao tema. Tanto nos pedidos feitos pelo ex-governador Daniel Pereira quanto nos do candidato derrotado da eleição ao Governo, Marcos Rogério, os procuradores não viram consistência de que possa ter havido qualquer abuso de poder econômico ou qualquer ilegalidade que tenha sido comprovada. No Tribunal de Justiça, os processos já haviam sido derrotados por unanimidade. Houve um pedido do MP para que o caso fosse analisado pelo TSE, o que ainda deverá acontecer. Mas com a posição do MPF, sempre muito duro nessas questões, é pouco provável que ainda haja alguma mudança neste cenário.

RONDÔNIA RURAL SHOW PODE FATURAR 4 BILHÕES, 22 VEZES MAIS O QUE CONSEGUIU EM NEGÓCIOS NA PRIMEIRA EDIÇÃO DE 2012

A 36 dias da abertura da 11ª edição da Rondônia Rural Show, hoje a maior exposição comercial do agronegócio da região norte, uma série de melhorias estão sendo implantadas pelo Estado no parque do Centro Tecnológico Valdeci Rack, em Ji-Paraná, uma enorme área na zona rural, cedida a Rondônia na administração do então prefeito Jesualdo Pires. Depois do asfaltamento feito pelo DER, com investimentos de mais de três milhões de reais; melhorias significativas na iluminação e no sistema de internet, a fase agora é das obras de instalação dos estandes. A edição deste ano da RR Show, que seria a 13ª, caso não tivesse dois anos sem ser realizada, por causa da pandemia, terá nada menos do que 650 expositores, um número recorde e a previsão de faturamento superior a 4 bilhões de reais, ao menos meio bilhão de reais a mais do que o total de negócios realizados na edição de 2023. A feira, é bom se recordar, começou em 2012, por insistência do então governador Confúcio Moura, teve cerca de 200 expositores e faturou 186 milhões de reais. Os negócios em 2024 representam nada menos do que 22 vezes o valor conseguido na edição número 1. O governador Marcos Rocha destacou que a participação de expositores nacionais e internacionais na Rondônia Rural Show, “trazendo as últimas novidades e tecnologias para o agronegócio , o que oportuniza aos visitantes e empresas se conectarem, conhecerem as tendências do mercado e realizarem negócios de sucesso”.

GOVERNO ANUNCIA OBRAS EM TRÊS RODOVIAS NA REGIÃO, MAS O REASFALTAMENTO DA BR 319 NÃO ESTÁ NOS PLANOS

Muito discurso, comemorações antecipadas, muita conversa pra boi dormir. Na Hora H, se viu quem é quem manda mesmo. A ministra do Planejamento, Simone Tebet, esteve em Tabatinga, no Amazonas e anunciou obras em pelo menos três grandes rodovias na nossa região. Ganha um doce quem adivinhar qual delas está totalmente fora dos planos? Ganhouuuuuuu! Isso mesmo. Zero de anúncios sobre o reasfaltamento da BR 319, aquela rodovia amaldiçoada pela ministra Marina Silva e suas parceiras, as ONGs nacionais e internacionais. As obras anunciadas fazem parte de um projeto para as rotas do “Quadrante Rondon”, conectando a região Norte do Brasil aos portos peruanos, proporcionando ao Acre uma rota estratégica para o Oceano Pacífico. Tudo para o Acre, da ministra Marina! Os quase dois milhões de habitantes de Manaus e todos os amazonenses que se danem, porque continuarão isolados do resto do país, embora haja uma rodovia pronta, que precisa apenas de melhorias num trecho e de reasfaltamento. Enquanto os idiotas da Internet se acham geniais, criando memes e piadas, achando que com isso vão abalar a convicção ideológica que sonha em deixar os amazônidas vivendo no mato, eles vão fazendo o que planejaram. Ou seja, a BR 319 está fora dos planos.

DOIS NOMES QUENTES VÃO DISPUTAR A ELEIÇÃO EM GUAJARÁ. QUEM SABE NA PRÓXIMA ELEIÇÃO O ELEITOR FAÇA A ESCOLHA CERTA?

A história é parecida com o que está acontecendo em Ji-Paraná e Candeias do Jamari e que recentemente também aconteceu mais de uma vez em Vilhena. O afastamento de Prefeitos em Guajará Mirim também já não está fora da rotina. A última decisão judicial tirou do cargo, ao menos até agora, a prefeita eleita Raissa Paes. No seu lugar, já há alguns meses, a então vice e agora prefeita interina, Marinice Granemann, parece que colocou as coisas no seu devido lugar e não se envolveu em nenhum problema. Ao contrário de Ji-Paraná, onde o prefeito Isau Fonseca sai e volta ao cargo, Raíssa não tem tido sucesso na busca de retornar ao cargo. A última decisão, no STJ, a manteve longe da cadeira que ocupava. Agora, começa a movimentação por nova eleição municipal. Muito dificilmente Raíssa, mesmo com seus direitos políticos mantidos, vai concorrer de novo. Sua vice sim. Marinice deve disputar a eleição, com um apoio de grande força política na cidade e na região: o da deputada Dra. Taíssa, que está fazendo um mandato bastante destacado na Assembleia Legislativa. Ambas, contudo, enfrentarão um peso pesado nas urnas, na cidade. O médico e ex-deputado estadual Dr. Neidson estará no páreo. Ele teve um mandato bastante produtivo, levando muitos avanços para sua terra, quando ocupou uma cadeira na Assembleia Legislativa e agora quer ser Prefeito da sua cidade. Pelo menos nesta eleição, Guajará terá nomes bastante respeitados. Tomara que o eleitor da cidade escolha certo, desta vez!

CRISPIN CRITICA TAXAÇÃO DE PEQUENOS FRIGORÍFICOS, QUE PODE ACABAR COM ELES E BENEFICIAR APENAS OS MAIORES

Durante sessão ordinária da Assembleia Legislativa, o deputado Ismael Crispin (MDB) votou pela rejeição do Veto de autoria Executivo, que dispõe sobre a alterações do artigo 1º da Lei que trata das taxas que são destinadas ao Fundo Estadual de Defesa Sanitária Animal - FESA/RO. Em 2019, o parlamentar propôs Lei Complementar, especificando uma taxa de 0,6 por cento do valor da UPF/RO por cabeça abatida nos estabelecimentos frigoríficos, sem restrição quanto ao número de bovinos e bubalinos. No entanto, o deputado apontou que a alínea “b”, que estipula taxas fixas variando de 1.000,00 a 5.000,00 com base no volume mensal de abate, não foi devidamente revogada e continua em vigor. Na oportunidade, Crispin criticou a aplicação de taxas que, na prática, favorecem grandes empreendimentos em detrimento dos menores, argumentando que tais políticas não são justas, especialmente em tempos de crise econômica. “Estamos em crise na agropecuária e essa é uma realidade. Agora também nós não podemos negar que nesse momento do debate eu tenho que priorizar o grande em detrimento do pequeno. Isso não é justo. Eu vou tirar de quem não tem e dar pra quem tem? Numa crise econômica, quem é que morre primeiro? Então, a gente precisa construir aqui um caminho para dar suporte para que essas pessoas de fato possam crescer”, expôs Ismael Crispin. O parlamentar ressaltou a relevância dos pequenos abatedouros, que atendem aos pequenos produtores rurais, muitas vezes responsáveis pela venda de uma única cabeça de gado por mês. “Não podemos permitir que o Estado, ao invés de oferecer suporte, acabe por prejudicar esses pequenos empreendedores. É essencial defender um sistema que promova o crescimento de todos, sem exceção”, concluiu Crispin.

VIRIATO MOURA, MÉDICO NA ESSÊNCIA, É MAIS UM RONDONIENSE HOMENAGEADO EM NÍVEL NACIONAL

“Ser médico não se aprende na escola. As faculdades de medicina, no máximo, ensinam medicina; não ensinam a ser médico. Saber medicina e ser graduado nessa ciência, não abona plenamente a condição de ser médico. Todavia, um profissional cujo afazer é preservar a saúde humana não deve contentar-se tão-somente com as exigências curriculares oficiais que, como se sabe, cada vez exigem menos!”. Ainda sobre o mesmo tema: “ Ser médico exige vocação, talento, inquietação pelo saber, sentimento humanitário e cultivo das virtudes éticas. Convenhamos que são muitas exigências para uma pessoa, mas para um profissional cuja função social é revestida do nobre propósito de promover o bem-estar do ser humano, não se deve exigir menos. O bom médico não é aquele que tão-somente sabe mais, mas aquele que também desperta confiança em seus pacientes. O saber científico sobre medicina é a pedra basilar, todavia precisa ser lapidada a ponto de perscrutar os mais íntimos anseios de um ser humano, que sofre chave mais eficaz para abrir as portas que levam à melhora à cura de sua doença;” O texto é de um grande médico rondoniense, um entre tantos outros que os temos em profusão, tanto em quantidade como, principalmente em qualidade. O dr. Viriato Moura, uma vida inteira dedicada à Medicina e a salvar vidas, um homem de múltiplos talentos, é mais um que se destaca em nosso Estado e que será alvo de merecida homenagem fora daqui. Ele receber, no dia 23 de maio, os títulos de Doutor Honoris Causa e Professor Emérito da Faculdade Instituto Rio de Janeiro, FIURJ. Decidido perlo Conselho Superior da instituição, segundo documento assinado por sua presidente, a Reitora Carla Dolezel Trindade, a cerimônia está agendada para o auditório da FIURJ. Para se ler um pouco mais sobre o que o dr. Viriato fala sobre os médicos e a Medicina, o artigo completo está no link https://www.escolasmedicas.com.br/news-detalhe.php?blog=2273.

PERGUNTINHA

Pelo que você está vendo nos preços dos supermercados e no custo de outras mercadorias que consome, a inflação no Brasil está mesmo caindo (3,93 por cento nos últimos 12 meses, segundo o IPCA) ou a situação na vida real está bem diferente dos números oficiais?


Os comentários são via Facebook, e é preciso estar logado para comentar. Os comentários são inteiramente de sua responsabilidade.