• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, terça-feira 25 de janeiro de 2022

Feira do Porto já é tradição na programação dos finais de semana dos porto-velhenses

Variedade de pratos típicos da região Norte e brinquedos para as crianças são atrativos da feira


Assessoria

Publicada em: 11/01/2022 09:40:58 - Atualizado


PORTO VELHO, RO - A Feira do Porto já é tradição histórica e cultural do município de Porto Velho. Localizada na praça Aluízio Ferreira, bairro Caiari, a feira se tornou o ponto de encontro das famílias, que desfrutam de um ambiente agradável, com uma variedade de pratos típicos da região Norte e atrações para as crianças.

Mais que uma feira, um lugar de pertencimento. Esse é o sentimento externado por quem visita o local. A cantora Deborah Cavalcante, por exemplo, conta que desde pequena frequenta a praça com sua família. Inclusive, já participou de várias apresentações ao público. Neste último fim de semana, levou a avó, a prima e a tia ao local. Para ela, o ambiente retrata um pouco da história dos porto-velhenses.

“Eu cresci vindo brincar aqui na praça, fazendo apresentações também e, hoje, trouxe meus familiares para esse ambiente agradável. Pois considero importante lembrar da nossa história com esse lugar. Deixo o meu recado aqui, para quem é novo na cidade, venha conhecer a Feira do Porto. E você que já conhece, traga seus filhos pequenos para se divertirem. Porque esse lugar é nosso”, declarou.

A feira também já é marca registrada de geração para geração. A esteticista Cenilda Pereira é o exemplo concreto disso. Ela lembra que levava sua filha para passear e se divertir nos brinquedos. Hoje, retornou à feira já acompanhada da filha e da neta.

“Fazia muito tempo que eu não vinha. E agora volto trazendo a filha e a neta para curtir em família, prestigiando o local que está muito bonito, mais iluminado, amplo, com as barracas bem distribuídas e isso é importante, por conta dos cuidados devido à pandemia. Sem falar nos diversos pratos que são oferecidos, com preços acessíveis. Um ambiente que vale a pena trazer a família. Que todos possam vir conhecer a feira”, disse Cenilda.

GERAÇÃO DE RENDA

Do tacacá ao pastel frito na hora, além de brinquedos variados para a diversão das crianças e a comercialização de produtos artesanais. Essas são características que fazem da Feira do Porto um atrativo cultural para quem anseia por uma programação diferente em família aos finais de semana.

Diferente, também, para quem comercializa seus produtos. A feira tem gerado oportunidades de crescimento na renda familiar. Um exemplo disso, é o negócio da família de Jéssica Rodrigues, que há oito anos no local tem gerado bons frutos com a venda do Tacacá.

“Antes, não tínhamos renda e então apareceu a oportunidade dada pela Prefeitura, que mudou a vida da minha família. Toda a renda é fruto do nosso trabalho aqui na feira. Só tenho a agradecer, pois estamos cada dia evoluindo mais. Quando chegamos, a clientela era menor e, hoje, o movimento cresceu bastante. Depois de um ano e seis meses sem estar aqui, por conta da pandemia, retornamos e já tivemos um resultado positivo nas vendas. Nesse período de férias , aumentou bastante o fluxo. Que todos possam vir conhecer a feira, porque vale a pena”, detalhou Jéssica.

De acordo com a titular da Secretaria Municipal de Indústria, Comércio, Turismo e Trabalho (Semdestur), Glayce Bezerra, a feira conta com a participação de 65 permissionários. Contudo, em virtude do cenário pandêmico, 35 estão atuantes.

A secretária salienta que a gestão da praça Aluízio Ferreira é de incumbência da Secretaria Municipal de Serviços Básicos (Semusb). O intuito da Semdestur é levar e padronizar as atrações para a feira, como aconteceu no fim do ano passado com a apresentação da cantata e a decoração natalina.

“Em novembro, por exemplo, conseguimos decorar a praça para o Natal com o apoio da Emdur, Semusb e Funcultural. A Feira do Porto é bem tradicional, com ambiente familiar, e você encontra a gastronomia regional e muita diversão para as crianças. O porto-velhense adora frequentar a praça, é um costume local que não devemos perder”, salientou a secretária da Semdestur.

A Feira do Porto acontece aos finais de semana e feriados, das 17h às 23h.


LEIA MAIS