• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, sábado 25 de maio de 2024

TCE RO abre inscrições para Assessor Técnico com salário superior a R$ 14 mil

As inscrições estão abertas desde terça-feira (16/5), estendendo-se até o dia 26 de maio de 2023.


TCE

Publicada em: 19/05/2023 14:12:48 - Atualizado


RONDÔNIA -A comissão instituída pelo Tribunal de Contas (TCE-RO) para a realização de processos seletivos para cargos em comissão divulgou nessa terça-feira (16/5) o Chamamento de nº 007/2023/CPSCC, destinado ao preenchimento do cargo em comissão de Assessor Técnico, código TC-CDS/5, com vistas a atuar na Secretaria de Tecnologia da Informação e Comunicação (SETIC).

AS REGRAS

Nos documentos – cuja íntegra pode ser acessada no Diário Oficial da Corte dessa terça-feira (16/5), disponível no link: http://www.tce.ro.gov.br/doe/arquivos/Diario_02835_2023-5-16-14-1-26.pdf (da página 82 à 85), estão definidas todas as regras da seleção.

Entre os requisitos para ocupar o cargo, os interessados devem, além de atender os critérios da Lei da Ficha Limpa, possuírem graduação em curso de nível superior na área da computação ou bacharelado em qualquer curso superior com pós-graduação na área da computação, comprovada pela apresentação de diploma ou certidão de conclusão e colação de grau, fornecidos por instituição de ensino superior reconhecida pelo Ministério da Educação.

Ter experiência com segurança cibernética e segurança da informação.

As inscrições estão abertas desde terça-feira (16/5), estendendo-se até o dia 26 de maio de 2023. Para tanto, os interessados deverão preencher o formulário eletrônico específico disponível no link abaixo:

ETAPAS E REMUNERAÇÃO

O processo seletivo consistirá de duas etapas, com convocação apenas por diário oficial eletrônico do TCE-RO: análise de currículo e memorial e entrevista técnica e/ou comportamental.

O anexo I do cronograma do edital do processo seletivo traz as datas previstas para todas as etapas da seleção. A remuneração (subsídio) do cargo de Assessor Técnico é de R$ 14.316,97, fixado pela Lei Complementar n. 1023/2019, já incluídos os auxílios.


Fale conosco