• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, quarta-feira 22 de maio de 2024

Campanha Maio Laranja reforça combate ao abuso e exploração sexual infantil em RO

Mobilização está sendo direcionada para todas as 408 escolas estaduais, promovendo a conscientização de toda a comunidade...


da Secom/RO

Publicada em: 13/05/2024 17:15:12 - Atualizado

Foto: Secom RO

PORTO VELHO, RO: Nesta segunda-feira (13), o governo de Rondônia promoveu o evento de abertura da campanha Maio Laranja, em alusão ao combate ao abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes. O evento aconteceu na Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Maria Carmosina Pinheiro, em Porto Velho. A iniciativa busca sensibilizar as unidades escolares sobre a importância de orientar os alunos e mobilizá-los quanto à participação de atividades que serão realizadas no ambiente escolar, visando debater essa temática sensível e fundamental à proteção das crianças e adolescentes.

A Secretaria de Estado da Educação (Seduc) destaca que, para garantir a abrangência das ações, as 18 Coordenadorias Regionais de Educação (CREs) foram solicitadas a indicarem uma escola por município onde, de forma simultânea, nos 52 municípios do Estado, também foram realizadas as solenidades de abertura das atividades, envolvendo a temática Maio Laranja. Dessa forma, a mobilização está sendo direcionada para todas as 408 escolas estaduais, promovendo a conscientização e o engajamento de toda a comunidade escolar na luta contra a violência infantojuvenil.

Para o governador de Rondônia, Marcos Rocha, este evento visa fortalecer os projetos e investimentos do governo estadual com a proteção das crianças e adolescentes, como também, enfatizar a importância da mobilização coletiva e do papel fundamental da educação, no que tange à prevenção e combate ao abuso e exploração sexual.

“É dever do estado garantir um ambiente seguro e acolhedor para nossas crianças e adolescentes. A escola desempenha um papel essencial nessa missão, e é através da educação e conscientização que podemos construir uma sociedade mais justa e protetiva às futuras gerações”, ressaltou Marcos Rocha.

A titular da Seduc, Ana Pacini, reforça o compromisso da pasta com a promoção de ações que contribuam para o enfrentamento dessa grave violação dos direitos humanos: “Nossa missão é proporcionar uma educação integral e de qualidade, que também inclui a proteção e o bem-estar de nossos estudantes. Estamos empenhados em colaborar com a construção de uma cultura de respeito e prevenção ao abuso e exploração sexual infantil no estado”.

O evento de abertura da campanha Maio Laranja contou com a participação de gestores escolares, professores, alunos e demais membros da comunidade escolar, reforçando o compromisso de todos na promoção de uma infância e adolescência livres de violência e abuso sexual.


Fale conosco