• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, quarta-feira 17 de agosto de 2022

Lazinho confirma pré-candidatura à reeleição, explica saída do PT e classifica PSB como protagonista nas eleições

Deputado estadual disse que ficou decepcionado com tomada de decisões


Extra de RO

Publicada em: 26/06/2022 14:27:12 - Atualizado

RONDÔNIA: O deputado estadual Lazinho da Fetagro, que deixou o PT após muitos anos de militância na legenda e agora está no PSB, conversou esta semana com a reportagem do Extra de Rondônia, ocasião em que confirmou sua pretensão de tentar chegar ao terceiro mandato na Assembleia Legislativa.

O parlamentar fez um relato acerca do mandato atual, que considerou como “atípico e problemático em virtude da pandemia”, ponderando que apesar dos percalços foi possível desenvolver um bom trabalho e apresentar resultados ao povo de Rondônia. “A experiência do primeiro mandato foi fundamental para que a gente pudesse superar os desafios que se apresentaram nesta legislatura”, afirmou.

Com foco voltado a agricultura familiar, Lazinho destacou que destinou emendas a todas as regiões do Estado, contemplando todos os Municípios de Rondônia, além de trabalhar no sentido de levar à população outras formas de investimentos públicos e suporte.

Ele declarou, também, que mantém uma relação democrática e republicana com o governo do Estado, pautada no respeito e na busca do desenvolvimento de ações que tragam suporte e melhoria de vida à população, votando matérias que considera apropriadas, apresentando propostas de mudanças em outras iniciativas e até mesmo votando contra projetos com os quais discorda.

A respeito de sua saída do PT, partido do qual é um dos fundadores e se filiou pela primeira vez em 1.986, o deputado declarou que tem apreço e respeito pela legenda e pelos seus integrantes, porém ficou um tanto decepcionado com a tomada de decisões de forma individualizada, desrespeitando o que havia sido aprovado por colegiado, “algo que contraria os princípios democráticos que eu defendo, e que devem existir internamente antes de serem defendidos para o meio externo, por isso resolvi sair”.

Ele se considera muito feliz e confortável no PSB, partido se em seu ponto de vista atuará como protagonista no processo eleitoral deste ano, concorrendo de igual para igual com os demais partidos disputando os cargos disponíveis, e que terá nominatas com plenas condições de não só manter o espaço político ocupado no legislativo, como até mesmo ampliar sua representação na ALE e na bancada federal.

Finalizando, ele confirma seu projeto de tentar mais um mandato, agradecendo ao povo de Rondônia por ter lhe dado a oportunidade de ser um representante da comunidade no Legislativo, e se comprometeu em continuar defendendo a agricultura familiar, o setor produtivo e lutar para o enfrentamento de demandas que ainda impedem Rondônia de ser anda mais forte nessa área, como a regularização fundiária, questão que pretende continuar tendo com um dos focos principais de ação.