• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, domingo 23 de junho de 2024

Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa vai ser realizado neste fim de semana, em Porto Velho

O evento vai reunir competidores de 34 categorias, de nove estados do Brasil...


Secom RO

Publicada em: 10/05/2024 17:27:27 - Atualizado

Foto: Secom RO

PORTO VELHO, RO: Porto Velho vai sediar a terceira etapa do Campeonato Brasileiro de Tênis de Mesa, em um evento que reunirá competidores de 34 categorias e representantes de nove estados do Brasil. Organizado pela Federação Rondoniense de Tênis de Mesa, o torneio acontece no Ginásio Cláudio Coutinho, no período de 10 a 12 de maio, das 8h às 18h. Com entrada franca, a competição conta com investimentos do governo de Rondônia, por meio de uma emenda parlamentar.

O presidente da Confederação de Tênis de Mesa de Rondônia, Jessé Tagino, agradeceu o apoio do governo e destacou a importância da parceria para a realização do evento. “A participação do governo está sendo fundamental para que esta etapa do campeonato aconteça. Agradecemos ao governo pelo suporte e pela valorização do esporte em nosso estado”.

O governador de Rondônia, Marcos Rocha, destacou a importância do esporte para o estado e expressou que, “o tênis de mesa é uma modalidade que promove a inclusão e o desenvolvimento de habilidades. Estamos felizes em participar dessa competição, que reúne atletas de diferentes regiões do país, e contribui para a disseminação do esporte no estado”, salientou.

O titular da Secretaria de Estado da Juventude, Cultura, Esporte e Lazer (Sejucel), Júnior Lopes, também ressaltou as ações do governo com o esporte. “Investimentos no esporte refletem no desenvolvimento humano. Estamos empenhados em oferecer estrutura e incentivo para que eventos como esse possam acontecer, proporcionando oportunidades para nossos atletas e fomentando o esporte em Rondônia”, disse, destacando a emenda parlamentar do deputado Ribeiro do Sinpol, destinada à infraestrutura do torneio.

A participação de atletas dos estados do Acre, Amazonas, Roraima, Pará, Rondônia, São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina e Pernambuco está confirmada.


Fale conosco