• Fundado em 11/10/2001

    porto velho, segunda-feira 15 de abril de 2024

Fortaleza repudia acusações de manipulação feitas por John Textor, do Botafogo

Time disse que não há “quaisquer provas” em manipulação de jogo entre Palmeiras e Fortaleza


cnn

Publicada em: 02/04/2024 11:31:03 - Atualizado

O Fortaleza rebateu as acusações de John Textor, dono da SAF do Botafogo, sobre um suposto esquema de manipulação de resultados.

“Lamentamos que essas afirmações proferidas, sem a apresentação de quaisquer provas, possam macular a reputação de nossa instituição centenária, gerando assim danos na imagem do clube”, diz o comunicado oficial do time cearense.

Textor também acusou o Palmeiras e São Paulo de envolvimento. Ele publicou um texto com as alegações em seu texto oficial. Os três times negam as acusações e afirmam que tomarão medidas judiciais cabíveis.

Palmeiras x Fortaleza

Textor apontou a goleada do Palmeiras sobre o Fortaleza, na Série A de 2022, como um jogo manipulado. Na ocasião, o Alviverde venceu por 4 a 0, no Allianz Parque e, posteriormente, foi campeão brasileiro.

“A CBF (e autoridades judiciais no Brasil) recebeu notificação por dois e-mails separados durante a tarde de 16 de maio de 2023, alertando tais autoridades sobre a óbvia manipulação do jogo que alterou o resultado do jogo acima, alterando assim o resultado do próprio Brasileirão de 2022.

O jogo Palmeiras x Fortaleza de novembro de 2022 foi, segundo grandes especialistas e inteligência artificial, manipulado por pelo menos quatro jogadores do Fortaleza. Vários outros jogadores exibiram desvios anormais em situações-chave de marcação de gols, embora apenas quatro jogadores tenham ultrapassado os limites que estabeleceriam provas claras e convincentes de manipulação do jogo. Deve ficar claro que as provas não estabelecem o motivo, nem sugerem que qualquer clube ou qualquer parte tenha sido responsável pela manipulação, para além dos jogadores específicos identificados.

Ressalte-se que a falta de resposta da CBF e de outros certamente deveria ser considerada um fator contribuinte para a corrupção que viria no Brasileirão de 2023. A pergunta deve ser feita… será que o maior desempenho do primeiro tempo do campeonato, na história do Brasil, teria se tornado o ‘maior colapso da história do futebol mundial’, se a CBF tivesse optado por agir com base em indícios claros de manipulação de jogos que poderiam foram confirmados já em maio de 2023?”.

Leia a nota do Fortaleza na íntegra

O Fortaleza repudia de forma veemente as declarações do Sr. John Textor, dono da SAF do Botafogo, que acusa atletas do tricolor de estarem envolvidos em esquema de manipulação de resultados.

Lamentamos que essas afirmações proferidas, sem a apresentação de quaisquer provas, possam macular a reputação de nossa instituição centenária, gerando assim danos na imagem do clube. Não acreditamos nessa forma de fazer futebol, preferimos o caminho da verdade, e caso o Sr. John Textor tenha provas, que as apresente para que os culpados sejam punidos.

O Fortaleza Esporte Clube espera que tudo seja esclarecido de forma legal, e caso necessário, tomará todas as medidas judiciais cabíveis.


Fale conosco